-

PPGAPV028 - ECOLOGIA DE INSETOS - Turma: 01 (2016.1)

Tópicos Aulas
Apresentação da Disciplina. ALTERNATIVA DO ENTOMOLOGISTA – convívio racional com os insetos. (17/03/2016 - 17/03/2016)

Apresentação da Disciplina. ALTERNATIVA DO ENTOMOLOGISTA – convívio racional com os insetos.

O controle de insetos associados às plantas tendo por fundamento a Ecologia, alicerce para o manejo racional. (24/03/2016 - 24/03/2016)

O controle de insetos associados às plantas tendo por fundamento a Ecologia, alicerce para o manejo racional.

IMPORTÂNCIA DA ECOLOGIA – histórico, definições e conceitos (31/03/2016 - 31/03/2016)

IMPORTÂNCIA DA ECOLOGIA – histórico, definições e conceitos

Fatores Físicos do Tempo: Radiação e Temperatura. (07/04/2016 - 07/04/2016)

Fatores Físicos do Tempo: Radiação e Temperatura.

Seminários: Exigências térmicas de insetos. (14/04/2016 - 14/04/2016)

Seminários: Exigências térmicas de insetos.

Fatores Físicos do Tempo:Umidade e Climogramas. (28/04/2016 - 28/04/2016)

Fatores Físicos do Tempo:Umidade e Climogramas.

Avaliação de conteúdo ministrado. (05/05/2016 - 05/05/2016)

Avaliação de conteúdo ministrado.

Fatores Físicos do Tempo: Luz, Cor e Infra Vermelho. (12/05/2016 - 12/05/2016)

Fatores Físicos do Tempo: Luz, Cor e Infra Vermelho.

Fatores Físicos do Tempo: Vento, Gravidade, Pressão e Som. (19/05/2016 - 19/05/2016)

Fatores Físicos do Tempo: Vento, Gravidade, Pressão e Som.

Seminário: Populações, Dinâmica Populacional – Flutuação Populacional – o processo de amostragem. (02/06/2016 - 02/06/2016)

Seminário: Populações, Dinâmica Populacional – Flutuação Populacional – o processo de amostragem.

Sinecologia: Populações. (09/06/2016 - 09/06/2016)

Sinecologia: Populações.

Flutuações: Populacionais vesus níveis de dano. (16/06/2016 - 16/06/2016)

Flutuações: Populacionais  vesus  níveis de dano.

Sinecologia: Populações. (23/06/2016 - 23/06/2016)

Sinecologia: Populações.

Comunidades. Biocenoses e Análise Faunística. (30/06/2016 - 30/06/2016)

Comunidades. Biocenoses e Análise Faunística.

Projeto de pesquisa. Avaliação de conteúdo ministrado. (07/07/2016 - 07/07/2016)

Projeto de pesquisa. Avaliação de conteúdo ministrado.

Frequências da Turma
# Matrícula MAR ABR MAI JUN JUL Total
17 24 31 07 14 28 05 12 19 02 09 16 23 30 07
1 2016100**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
2 2016100**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
3 2016100**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Notas da Turma
# Matrícula Unid. 1 Unid. 2 Unid. 3 Unid. 4 Prova Final Resultado Faltas Situação
1 2016100**** 9,0 8,6 8,7 8,5 8.7 0 AM
2 2016100**** 8,6 8,4 8,7 8,2 8.5 0 AM
3 2016100**** 8,6 8,3 8,2 9,0 8.5 0 AM

Nenhum item foi encontrado

Plano de Curso

Nesta página é possível visualizar o plano de curso definido pelo docente para esta turma.

Dados da Disciplina
Ementa: Interações ecológicas entre indivíduos, entre populações e entre as formas de vida e do meio ambiente no processo de seleção natural e nos meios de adaptação. Os processos evolutivos e micro evolutivos sobre os insetos. A aplicação da ecologia e o domínio sobre as populações de insetos.
Objetivos:
Metodologia de Ensino e Avaliação
Metodologia: Aulas expositivas com auxílio de recursos audiovisuais;
Aulas práticas; e,
Apresentação de seminários e/ou relatórios.
Procedimentos de Avaliação da Aprendizagem: Será realizada uma prova escritas; e
Apresentação de seminários e/ou relatórios.
Horário de atendimento:
Bibliografia: ALTIERI, M. A.; SILVA, E. N.; NICHOLLS, C. I. O papel da biodiversidade no manejo de Pragas. Ribeirão Preto: Holos, 2003. 226p.
ALVES,S. B. et al. Controle Microbiano de Insetos. São Paulo, Mandes,1998. 1064p.
BEGON, M.; HARPER, J. L.; TOWNSEND, C.R. Ecology: Individuals, Populations and Communities. 2 ed. Boston: Blackwell Scientific Publications, 1990. 945p.
BERNAYS, E. A.; CHAPMAN, R. E. Host-plant selection by phytophagous insects. Chapman & Hall, 312p. 1994
CAREY, J. R. Applied Demography for Biologists with Special Emphasis on Insects. Oxford University Press, 2060p., 1993.
COLINVAUX, P. Ecology 2. John Wiley & Sons, Inc.,N.Y. 1993.688 p.
CROCOMO,W. B. et al .Manejo de Pragas. Botucatu-SP, UNESP,1990. 358p.
DEMPSTER, J. P. Animal Population Ecology. Academic Press, London. 1975. 155 p.
EDWARDS, P. J.; WRATTEN, S. D. Ecologia das interações entre insetos e plantas, São Paulo: EDUSP, 1981. 71p.
GALLO, D. et al. Manual de Entomologia Agrícola. 2ed. SP, Agronômica Ceres,1988. 649p.
GALLO, D. et al. Entomologia Agrícola. Biblioteca de Ciências Agrárias,10. Piracicaba: FEALQ, 2002. 920p
GARCIA, F. R. M. Zoologia agrícola: manejo ecológico de pragas. 3 ed. Porto Alegre: Editora Rígel, 2008. 256 p.
GARCIA, F. R. M. Fruit flies: biological and ecological aspects. In: Romana Rombe Bandeira. (Org.). Current trends in fruit flies control on perennial crops and research prospects. Kerala: Transworld Research Network, 2009, p. 1-35.
GARCIA, F. R. M. Manejo de pragas: conceitos, impacto ambiental e conservação da biodiversidade. Diálogo, Canoas, v. 9, p. 169-193, 2006.
GUEDES, J. C.; COSTA, I. D.; CASTIGLIONI, E. (Ed.) Bases e técnicas do manejo de insetos. Santa Maria: UFSM/CCR/DFS, 2000. 248p.
HUFFAKER, C. B. & R. L. RABB eds. Ecological Entomology. John Wiley & Sons, 1984. 844p.
KAUFFMAN, W. C. & J. E. NECCHOLS eds. Selection Criteria and Ecological Consequences of Importing Natural Enemies. ESA. Thomas Say Publications in Entomology. Proceedings. 1992. 117p.
KNIPLING, E. F. Principles of Insect Parasitism Analyzed from New Perspectives. USDA. ARS. 1992. 337p. (Agriculture Handbook number 693).
KREBS, C. J. Ecolgy. The Experimental Analysis of Distribution and Abundance. Harper International Edition. 1972. 694 p.
LUDWIG, J. A. & J. F. REYNOLDS,. Statistical Ecology: a primer on methods and computing, John Wiley & Sons nº 4, 1988. 337 p.
MARTINS, R. P. (Org.); LEWINSOHN, T. M. (Org.); BARBEITOS, M. S. (Org.) . Ecologia e Comportamento de Insetos. Rio de Janeiro: PPGE/ Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2000. 436 p.
MATTHEWS, E. G. Insect ecology. 2 ed. Queensland, 1984. 211p.
MAYHEW, P. J. Discovering Evolutionary Ecology: Bringing together ecology and evolution. Oxford University Press, 215p., 2006
ODUM, E. P. & BARRET, G.W. Fundamentos de Ecologia. São Paulo, thompson, 2007. 612p.
PANSERA-DE-ARAÚJO, M. C.; COELHO, G. C.; MEDEIROS, L.. Aspectos ecológicos e evolutivos da interação entre animais e plantas. In: Maria Cristina Pansera-de-Araújo; Geraldo Ceni Coelho; Lenice Medeiros. (Org.). Interações Ecológicas e Biodiversidade. 1ª ed. Ijui: Editora Unijui, 1997, v. 1, p. 11-48.
PANSERA-DE-ARAÚJO, M.C. Bases ecológicas do Manejo Integrado de Pragas. In: Maria Cristina Pansera-de-Araújo; Geraldo Ceni Coelho; Lenice Medeiros. (Org.). Interações Ecológicas e Biodiversidade. 1ª ed. Ijui - RS: Editora Unijui, 1997, v. 1, p. 137-156.
PANIZZI, A. R. & J. R. P.PARRA eds. 1991. Ecologia nutricional de insetos e suas implicações no manejo de pragas. CNPq - Ed. Manole Ltda, SP. 359p.
PARRA, J. R. P. 1993. O controle biológico aplicado e o manejo integrado de pragas. In: Simpósio de Agricultura Ecológica, I, IAC, Campinas, Fundação CARGILL, p. 116-139.
PRIMAVESI, A. Manejo Ecológico de Pragas e Doenças: técnicas alternativas para a produção agropecuária e defesa do meio ambiente. São Paulo, Nobel, 1988. 138p.
RANTA, E.; LUNDBERG, P.; KAITALAV. Ecology of Populations. Cambridge University Press 373p, 2006
RICKLEFS, R. E. Economia da natureza - 5ª Edição. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2003.
RIDGWAY, R. L. & S. B. VINSON eds. 1977. Biological control by augmentation of natural enemies. Plenum, 480p.
SLANSKY Jr., F. & J. G. RODRIGUEZ eds. 1987. Nutritional ecology of insects, mites, spiders, and related invertebrates. John Wiley & Sons, 1016p.
SILVEIRA NETO, S.; NAKANO, O.;BARBIN, D. & VILLA NOVA, N. A. Manual de Ecologia de Insetos. Agronômica Ceres,1976. 419p.
SILVEIRA NETO, S.; MONTEIRO, R. C.; ZUCCHI, R. A.; MORAES, R. C. B.. Uso da análise faunística de insetos na Avaliação do impacto ambiental. Scientia Agrícola, Piracicaba, v. 52, n. 1, p. 9-15, 1995.
SCHOWALTER, T. D. Insect ecology: an ecosystem approach. Elsevier, 2ª Ed., 572p, 2006
SOUTHWOOD, T. R. E., 1992. Ecological Methods. Chapman & Hall, London. 524p.
VILLELA, E. F. & DELLA LUCIA, T. M. C. Feromônios de Insetos: biologia, química e aplicação 2ª edição. Ribeirão Preto: Holos, 2001. 206p.
VILLELA, E. F.; ZUCCHI, R. A. & CANTOR, F. Histórico e impacto das pragas introduzidas no Brasil. Ribeirão Preto: Holos, 2000.173.
PERIÓDICOS:
Annual Review of Entomology
Journal of Economic Entomology
Bulletin of Entomological Research
Journal of Applied Entomology
Cronograma de Aulas

Início

Fim

Descrição
17/03/2016
17/03/2016
Apresentação da Disciplina. ALTERNATIVA DO ENTOMOLOGISTA – convívio racional com os insetos.
24/03/2016
24/03/2016
O controle de insetos associados às plantas tendo por fundamento a Ecologia, alicerce para o manejo racional.
31/03/2016
31/03/2016
IMPORTÂNCIA DA ECOLOGIA – histórico, definições e conceitos
07/04/2016
07/04/2016
Fatores Físicos do Tempo: Radiação e Temperatura.
14/04/2016
14/04/2016
Seminários: Exigências térmicas de insetos.
28/04/2016
28/04/2016
Fatores Físicos do Tempo:Umidade e Climogramas.
05/05/2016
05/05/2016
Avaliação de conteúdo ministrado.
12/05/2016
12/05/2016
Fatores Físicos do Tempo: Luz, Cor e Infra Vermelho.
19/05/2016
19/05/2016
Fatores Físicos do Tempo: Vento, Gravidade, Pressão e Som.
02/06/2016
02/06/2016
Seminário: Populações, Dinâmica Populacional – Flutuação Populacional – o processo de amostragem.
09/06/2016
09/06/2016
Sinecologia: Populações.
16/06/2016
16/06/2016
Flutuações: Populacionais vesus níveis de dano.
23/06/2016
23/06/2016
Sinecologia: Populações.
30/06/2016
30/06/2016
Comunidades. Biocenoses e Análise Faunística.
07/07/2016
07/07/2016
Projeto de pesquisa. Avaliação de conteúdo ministrado.
Avaliações
Data Descrição
: Referência consta na biblioteca
Referências Básicas
Tipo de material Descrição
Referências Complementares
Tipo de material Descrição
Notícias da Turma

Nenhum item foi encontrado

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | sigjb06.ufpi.br.instancia1 vSIGAA_3.12.1077 19/05/2024 11:38