-

CMP110 - RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS - Turma: 01 (2017.1)

Tópicos Aulas
Não Haverá Aula (15/03/2017)

Semna de recesso por falta de energia elétrica no CMRV/UFPI

Tenda de Arte e Educação da diferença em saúde (22/03/2017 - 22/03/2017)
Apresentação do módulo: Relações Étnico-Raciais
   Plano de curso do módulo 
Experimentações cartográficas em gênero e educação a diferença (29/03/2017 - 29/03/2017)
Etnia, Raça, Gênero e Educação da diferença em saúde: agenciamento e dispositivos.
Objeto relacional: Teia de Aranha (05/04/2017 - 05/04/2017)
Mediações Intersubjetivas e Semióticas: corpo e educação da diferença em saúde.
Esquizodrama e Teatro do Oprimido (12/04/2017 - 12/04/2017)
Sofrimento ético-político e felicidade ético-política: análise dos processos de exclusão/inclusão social e de acesso ao Sistema de Saúde.
Roda de Conversa (19/04/2017 - 19/04/2017)
As artimanhas da exclusão e os analisadores: hegemonia, emoção, dor, sofrimento, corpo, caridade, compaixão, poder, felicidade, vergonha, violência, ética, estética e política.
Estudo Dirigido (Atividade Discente Efetiva) - EaD (26/04/2017 - 26/04/2017)
Políticas de Promoção da Equidade em Saúde.
Campo de intervenção: entrevista semiestruturada. (26/04/2017 - 26/04/2017)
    
Inicia em 23/04/2017 às 14h 8 e finaliza em 26/04/2017 às 23h 59
Avaliação Escrita (03/05/2017 - 03/05/2017)
avaliação escrita individual (10,0 pontos) com questões objetivas e subjetivas a partir das concepções e conceitos trabalhados nas aulas e também contemplados na leitura dos textos relacionados às referências básicas e complementares.
Roda Viva (Planejamento) (10/05/2017 - 10/05/2017)
Agenciamento das relações étnico-raciais e dos processos de saúde e doença: desafios da prática médica ante o sofrimento ético-político das minorias.
Círculo de Cultura (17/05/2017 - 17/05/2017)
Elementos para uma cartografia da grupalidade: Experimentação cartográfica e arte relacional como artefatos de produção de informações no campo de intervenção da prática médica.
Orientação (24/05/2017 - 24/05/2017)
Introdução à análise institucional e à cartografia da educação da diferença nos cenários de práticas médicas: analisador e dispositivo, análise dos processos de subjetivação efeitos das relações com os dispositivos, mostrando os atravessamentos e as transversalidades que se expressam por meio das narrativas, dos discursos e dos conteúdos desses processos de subjetivação; análise dos processos instituídos e instituientes e da institucionalização das práticas médicas.
Avaliação (31/05/2017 - 31/05/2017)
Elementos para uma cartografia da grupalidade: grupo, grupalidade e dispositivos da Rede de Atenção e cuidado em Saúde.
Cartografias de processos grupais (07/06/2017 - 07/06/2017)

Cartografias dos processos de Educação da Diferença em Saúde: grupo, grupalidade e dispositivos da Rede de Atenção e cuidado em Saúde.

  TCLE 
Avaliação (14/06/2017 - 14/06/2017)
Experimentações Cartográficas: Relato de Experiência e Artigo
Segunda Chamada (21/06/2017 - 21/06/2017)
Segunda Chamada (avaliação)
Exame Final (28/06/2017 - 28/06/2017)
Todo o conteúdo estudado nos encontros e nos textos.
Frequências da Turma
# Matrícula MAR ABR MAI JUN JUL Total
22 29 05 12 19 26 03 10 17 24 31 07 14 21 28 05 12
1 2016904**** 0 0 0 4 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 0 0 0 8
2 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
3 2016906**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 0 4
4 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
5 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 1
6 2016905**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 0 4
7 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 0 4
8 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 4 0 0 0 0 8
9 2016906**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 4 0 0 0 8
10 2016906**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 2 4 0 0 0 10
11 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 4
12 2016906**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 0 4
13 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 2 0 0 0 0 6
14 2016904**** 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 0 0 4
15 2016904**** 0 0 0 4 0 0 0 0 0 0 0 0 4 4 0 0 0 12
16 2016905**** 0 0 0 4 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4
Notas da Turma
# Matrícula Unid. 1 Unid. 2 Unid. 3 Unid. 4 Prova Final Resultado Faltas Situação
1 2016904**** 6,3 8,5 10,0 10,0 8.7 0 AM
2 2016906**** 5,4 9,5 9,7 9,7 8.6 4 AM
3 2016904**** 8,1 8,5 9,5 9,5 8.9 8 AM
4 2016905**** 8,1 9,0 9,7 9,7 9.1 4 AM
5 2016906**** 7,2 6,5 9,7 9,7 8.3 4 AM
6 2016904**** 10,0 9,0 9,7 9,7 9.6 6 AM
7 2016905**** 9,0 9,0 9,7 9,7 9.4 4 AM
8 2016904**** 9,0 8,5 9,7 9,7 9.2 4 AM
9 2016904**** 7,2 9,0 9,5 9,5 8.8 8 AM
10 2016904**** 8,1 7,0 8,5 8,5 8.0 12 AM
11 2016904**** 6,3 8,5 9,7 9,7 8.6 4 AM
12 2016904**** 6,3 7,5 10,0 10,0 8.5 0 AM
13 2016906**** 6,3 6,0 9,0 9,0 7.6 10 AM
14 2016904**** 9,0 9,0 10,0 10,0 9.5 1 AM
15 2016904**** 8,1 9,0 9,7 9,7 9.1 4 AM
16 2016906**** 7,2 8,5 9,5 9,5 8.7 8 AM

Nenhum item foi encontrado

Plano de Curso

Nesta página é possível visualizar o plano de curso definido pelo docente para esta turma.

Dados da Disciplina
Ementa: x
Objetivos: . GERAL Capacitação do/da aluno/aluna para:  Compreensão de gênero, diversidade e relações étnico-raciais e da educação da diferença em saúde nos cenários da prática médica desde uma perspectiva ético-estético-política dos grupos minoritários como dispositivos para produção de políticas de promoção da saúde e articulação do trabalho em Rede de Atenção e Cuidado em Saúde.
Metodologia de Ensino e Avaliação
Metodologia: As unidades temáticas serão apresentadas por meio da arte relacional e da educação da diferença em saúde, utilizando-se da estratégia da experimentação cartográfica e da problematização, além de rodas de conversa, círculo de cultura, grupo focal, teatro do oprimido e outras práticas integrativas grupais.
Procedimentos de Avaliação da Aprendizagem: Avaliações:
Serão realizadas três avaliações:
a) 1ª avaliação: avaliação participante formativa (10,0 pontos): cada aluno/aluna inicia o módulo com um crédito de 10 (dez) pontos e irá perdendo 0,25 (vinte e cinco centésimos) à medida que ele/ela perca aulas e não faça as atividades. A pontuação será mantida de acordo com a participação crítica, criativa e cuidante nas atividades em grupo, seminários, debates, visitas técnicas a grupos minoritários e produção de diários cartográficos.
b) 2ª avaliação: avaliação escrita individual (10,0 pontos) com questões objetivas e subjetivas a partir das concepções e conceitos trabalhados nas aulas e também contemplados na leitura dos textos relacionados às referências básicas e complementares.
c) 3ª avaliação: Artigo ou Relato de experiência em grupo (5,0 pontos) ou individual + Diário Cartográfico individual (2,0 pontos) + apresentação em seminário (3,0) por meio do uso da arte relacional com a mobilização de recursos éticos estéticos e políticos (bricolagem, vídeo, teatro, cordel, música, dança...)
Horário de atendimento: 8:00 às 12:00h
Bibliografia: BIBLIOGRAFIA BÁSICA:
FUGANTI, L. Agenciamento. In AQUINO, Julio Groppa; CORAZZA, Sandra Mara (Orgs.). Abecedário: Educação da diferença. Campinas: Papirus, 2009, p. 19 ? 23

PELBART, P. P. Choque de Civilizações, satanizanização do outro. In Vida capital: ensaios de biopolítica. 1ª. ed. São Paulo: Iluminuras, 2011., p. 120 ? 127.

PÉLBART P.P. Elementos para uma cartografia da grupalidade. In: SAADI, F.; GARCIA, S. (Org.). Próximo ato: questões da teatralidade contemporânea. São Paulo: Itaú Cultural, 2008. Disponível em http://desarquivo.org/sites/default/files/pelbart_peter_elementos.pdf Acesso em 08de abril 2016.

SAIDÓN, O. Redes. Pensar de Outro Modo. In _______. Devires da Clínica. São Paulo: Aderaldo & Rothschild. 2008 p. 165 - 183.

RODRIGUES, H. de B. C. Quatro Platôs à guisa de prefácio. In L?ABBATE, S.; MOURÃO, L. C.; PEZZATO, L. M. (Orgs.). Análise Institucional & Saúde Coletiva. 1ª. ed. São Paulo: Hucitec, 2013. p. 17 - 30.

SAWAIA, B. B. O sofrimento ético-político como categoria de análise da dialética exclusão/inclusão. In _________ (Org.). As artimanhas da exclusão: análise psicossocial e ética da desigualdade social. 8ª. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2008, pp. 97-116.

SILVA, T. T. da. Uma coisa ?estranha? no currículo: a teoria queer. In ________. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. 3ª. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2009, p. 105 - 109.

TEDESCO, S.; NASCIMENTO, M. L. Análise Institucional e Cartografia: efeitos de contágio. In L?ABBATE, S.; MOURÃO, L. C.; PEZZATO, L. M. (Orgs.). Análise Institucional & Saúde Coletiva. 1ª. ed. São Paulo: Hucitec, 2013. p. 597 - 606.

VEIGA-NETO, A. Incluir para excluir. In LARROSA, J.; SKLIAR, C. Habitantes de Babel: políticas e poéticas da diferença. Jorge Larrosa e Carlos Skliar (Orgs.). Belo Horizonte: Autêntica, 2001.p. 105 ? 118.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:

BRASIL. Guia de Políticas Públicas para Povos Ciganos. Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. Brasília, 2013. Disponível em < file:///D:/Meus%20Documentos/Documentos/A.%20UFPI/A%20Medicina/2016.1/SERER/Textos%20SIGAA/GuiaCiganoFinal.pdf> Acesso 28 mac 2017.


Brasil. Subsídios para o Cuidado à Saúde do Povo Cigano. Ministério da Saúde. ? Brasília: Ministério da Saúde, 2016. 44 p. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/subsidios_cuidado_saude_povo_cigano.pdf Acesso 28 mac 2017.


BRASIL. Políticas de promoção da equidade em saúde. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa. Departamento de Apoio à Gestão Participativa. 1. ed., Brasília: Ministério da Saúde, 2013a. Disponível em:
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_prococao_equidade_saude.pdf Acesso em 07 abr. 2016.

BRASIL. Política Nacional de Saúde Integral das Populações do Campo e da Floresta. Ministério da Saúde, Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa, Departamento de Apoio à Gestão Participativa. 1ª.ed.; Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2013b.
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_saude_populacoes_campo.pdf
Acesso em 08 abr 2016.

BRASIL. Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas. 2ª edição - Brasília: Ministério da Saúde/Fundação Nacional de Saúde, Brasília: 2002. Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_saude_indigena.pdf

BRASIL. Política Nacional de Saúde Integral da População Negra: uma política para o SUS. Ministério da Saúde, Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa, Departamento de Apoio à Gestão Participativa. 2. ed. Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2013.
Disponível em
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_saude_integral_populacao.pdf Acesso em 05 abr. 2016.

BRASIL. Saúde da população em situação de rua: um direito humano. Ministério da Saúde, Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa, Departamento de Apoio à Gestão Participativa. ? Brasília: Ministério da Saúde, 2014.
Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_populacao_situacao_rua.pdf Acesso em 08 abr. 2016.

BRASIL. Política Nacional de Saúde Integral de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais. Ministério da Saúde, Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa, Departamento de Apoio à Gestão Participativa. 1ª. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2013. Disponível em
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_saude_lesbicas_gays.pdf acesso em 04 abr. 2016.
BORGES, M. J. L. Integralidade da atenção à saúde das pessoas vivendo com HIV/Aids: uma avaliação de serviços de assistência especializada. Dissertação (Mestrado profissional em saúde pública). Recife: Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães/Fundação Oswaldo Cruz, 2010. Disponível em http://www.cpqam.fiocruz.br/bibpdf/2010borges-mjl.pdf
Acesso em 02 abr. 2016.

Cronograma de Aulas

Início

Fim

Descrição
15/03/2017
15/03/2017
Não Haverá Aula
22/03/2017
22/03/2017
Tenda de Arte e Educação da diferença em saúde
29/03/2017
29/03/2017
Experimentações cartográficas em gênero e educação a diferença
05/04/2017
05/04/2017
Objeto relacional: Teia de Aranha
12/04/2017
12/04/2017
Esquizodrama e Teatro do Oprimido
19/04/2017
19/04/2017
Roda de Conversa
26/04/2017
26/04/2017
Campo de intervenção: entrevista semiestruturada.
26/04/2017
26/04/2017
Estudo Dirigido (Atividade Discente Efetiva) - EaD
03/05/2017
03/05/2017
Avaliação Escrita
10/05/2017
10/05/2017
Roda Viva (Planejamento)
17/05/2017
17/05/2017
Círculo de Cultura
24/05/2017
24/05/2017
Orientação
31/05/2017
31/05/2017
Avaliação
07/06/2017
07/06/2017
Cartografias de processos grupais
14/06/2017
14/06/2017
Avaliação
21/06/2017
21/06/2017
Segunda Chamada
28/06/2017
28/06/2017
Exame Final
Avaliações
Data Descrição
03/05/2017 1ª Avaliação
31/05/2017 2ª Avaliação
07/06/2017 3ª Avaliação
: Referência consta na biblioteca
Referências Básicas
Tipo de material Descrição
Referências Complementares
Tipo de material Descrição
Notícias da Turma
: Visualizar

Título

Data
Ensaio Cartográfico - Artigo 23/06/2017
Local dos encontros CMRV 20/03/2017

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | sigjb06.ufpi.br.instancia1 vSIGAA_3.12.1078 25/05/2024 21:02