Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCELLA DE OLIVEIRA ABREU FONTINELE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARCELLA DE OLIVEIRA ABREU FONTINELE
DATA: 12/12/2019
HORA: 08:30
LOCAL: Sala de Defesa do PPGED
TÍTULO: FORMAÇÃO E PRÁTICA DOCENTE: CONTRIBUIÇÕES DA ALFABETIZAÇÃO MATEMÁTICA PARA O LETRAMENTO DA CRIANÇA
PALAVRAS-CHAVES: Formação. Prática docente. Alfabetização matemática. Letramento. Criança.
PÁGINAS: 80
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Ensino-Aprendizagem
RESUMO:

O presente estudo intitulado Formação e Prática Docente: contribuições da Alfabetização Matemática para o Letramento da criança está associado à linha de pesquisa: Formação de Professores e Práticas da Docência, tem como objeto de investigação a formação e a prática docente do alfabetizador e a seguinte questão problema: Como a formação e a prática docente do alfabetizador pode contribuir para o letramento da criança a partir da alfabetização matemática? Nesta perspectiva, tem como objetivo geral compreender as implicações da formação e da prática docente do alfabetizador no processo de letramento da criança a partir da alfabetização matemática. De modo específico busca compreender como os saberes mobilizados pelos alfabetizadores no processo de formação continuada favorecem o letramento por meio da alfabetização matemática; descrever as contribuições do PNAIC para a prática do alfabetizador no processo de letramento da criança. Para empreender as reflexões teóricas nesta pesquisa utilizou-se as contribuições de Soares (2014, 2017), Kleiman (2007), Franchi (2012), Street (2014), Fonseca (2014) entre outros. A pesquisa alicerça-se nos princípios da Etnometodologia enquanto teoria do Social em autores dos quais destacam-se (Coulon, 1995), Garfinkel (2018). O campo empírico se constituiu de duas escolas localizadas na cidade da Castelo do Piauí, estado do Piauí, tendo como interlocutoras quatro professoras que atuam no ciclo de alfabetização. Para a construção dos dados optou-se pela observação participante e as entrevistas narrativas. Os dados revelam que formação continuada possibilitou a reflexão sobre a prática, a troca de experiências bem como a ressignificação dos saberes docentes apontando as contribuições da alfabetização matemática para o letramento da criança. Indicam, ainda, que a formação do PNAIC contribuiu para a melhoria da prática docente das alfabetizadoras.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 9045235 - NEIDE CAVALCANTE GUEDES
Interno - 1167868 - ANTONIA EDNA BRITO
Interno - 3167693 - MARIA DA GLORIA SOARES BARBOSA LIMA
Externo ao Programa - 3280919 - HILDA MARA LOPES ARAUJO
Externo à Instituição - FRANCISCA DAS CHAGAS SILVA LIMA - UFMA
Notícia cadastrada em: 09/12/2019 12:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb02.ufpi.br.instancia1 24/01/2020 14:00