Notícias

Banca de DEFESA: MURYLLO DOS SANTOS NASCIMENTO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MURYLLO DOS SANTOS NASCIMENTO
DATA: 19/02/2018
HORA: 10:00
LOCAL: Auditório TROPEN
TÍTULO: IMPACTOS AMBIENTAIS DA LINHA DE TRANSMISSÃO DELTA – TABULEIROS SOBRE A AVIFAUNA, PIAUÍ, BRASIL
PALAVRAS-CHAVES: Aves; Energia elétrica; Eletrocussão; Etnoornitologia; Conservação.
PÁGINAS: 92
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

Apesar dos benefícios que as linhas de transmissão proporcionam para as pessoas, elas afetam negativamente o meio ambiente, interferindo na vegetação, e consequentemente na fauna. As aves estão entre os vertebrados mais afetados por estes empreendimentos. Os objetivos desta pesquisa foram levantar e caracterizar a avifauna de áreas de influência direta de uma linha de transmissão (LT) e registrar a percepção dos moradores de comunidades rurais próximas à LT afim de identificar potenciais impactos causados pelo empreendimento sobre as aves. A área de estudo abrange pontos diretamente afetados pelo empreendimento, dentro do município de Parnaíba, no extremo norte do estado do Piauí. O levantamento foi quali-quantitativo. Para o levantamento da avifauna, utilizou-se o método de transecto linear. Além dos registros visuais e auditivos da avifauna, houve também a captura e anilhamento de alguns indivíduos. Os dados junto à comunidade foram coletados por meio de diálogos informais e formulários semiestruturados. Antes da execução, o trabalho foi aprovado no Comitê de Ética em Pesquisa Humana da UFPI/Parnaíba (CAAE 66902117.1.0000.5214). Foram levantadas na linha de transmissão, ao fim dos quatro períodos amostrais, 224 espécies de aves distribuídas em 25 ordens e 53 famílias. Em relação ao status, a maioria das espécies registradas na linha de transmissão são residentes (N=125; 56%). Quando a Frequência de Ocorrência (FO), a maioria das espécies levantadas (N=170; 76%) são consideradas raras. Considerando a dieta, os insetívoros (INS) foram os mais representativos (N=74; 33%). Onze espécies apresentam alta sensibilidade às alterações ambientais e oito estão categorizadas em algum nível de ameaça. Os moradores das comunidades Alto do Batista e Alto da Cruz, localizadas próximas às torres da LT, citaram 113 espécies de aves que, segundo os mesmos, são comumente vistas na região. As espécies mencionadas pelos moradores pertencem a 38 famílias e 20 ordens. A maioria dos entrevistados (56,7%; N=21) relatou que a LT afetou de alguma forma a avifauna local. Houve muitos relatos sobre o impacto de aves nas estruturas do empreendimento. Os populares também apresentaram forte conhecimento em relação à aspectos de caça, ao uso de espécies para fins medicinais e ao simbolismo que gira em torno destes animais. Apesar do impacto causado pela implantação da linha de transmissão, observa-se que a avifauna das áreas amostrais é diversa e numerosa. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1653145 - ANDERSON GUZZI
Interno - 1291400 - DENIS BARROS DE CARVALHO
Interno - 1046342 - ELAINE APARECIDA DA SILVA
Externo à Instituição - FILIPE AUGUSTO GONÇALVES DE MELO - UESPI
Externo à Instituição - GUILHERME RAMOS DA SILVA - UESPI
Notícia cadastrada em: 29/01/2018 11:47
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.instancia1 19/01/2020 09:39