Notícias

Banca de DEFESA: IVONE FREIRES DE OLIVEIRA COSTA NUNES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IVONE FREIRES DE OLIVEIRA COSTA NUNES
DATA: 28/02/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Núcleo de Computação de Alto Desempenho da UFPI
TÍTULO: ESTADO NUTRICIONAL GLOBAL DA PESSOA IDOSA: ASSOCIAÇÃO COM FATORES SOCIODEMOGRÁFICOS, STATUS DE VITAMINA D, HIPERTENSÃO ARTERIAL E POLIMORFISMOS GENÉTICOS
PALAVRAS-CHAVES: Antropometria. Sistema renina angiotensina aldosterona. Variantes genéticas.
PÁGINAS: 190
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Nutrição
RESUMO:
INTRODUÇÃO: o envelhecimento é um processo natural, comumente acompanhado
por modificações antropométricas e alterações no sistema digestório, que se
interrelacionam com fatores ambientais, sociais, demográficos, comportamentais,
clínicos e genéticos. Em idosos é elevada a prevalência de hipertensão arterial e de
hipovitaminose D, que também pode ser influenciada por variantes genéticas, como
a inserção/deleção (INDEL) da enzima conversora de angiotensina (ECA) -
rs1799752 e polimorfismos de nucleotídeo único no gene que codifica a aldosterona
sintase (CYP11B2-C344T; rs1799998) e do receptor da vitamina D (FokI -
rs2228570 e BsmI - rs1544410), por interferirem nos marcadores antropométricos,
bioquímicos e de consumo alimentar. OBJETIVOS: avaliar o estado nutricional
global e sua associação com determinantes biossociais, com o status de vitamina D,
com a prevalência de hipertensão arterial e com os polimorfismos genéticos
supramencionados. MÉTODOS: estudo realizado com 173 idosos de Teresina,
Piauí, Brasil, cuja caracterização sociodemográfica, de saúde e hábitos de vida
ocorreu por entrevista. Para avaliar o estado nutricional global, usou-se
simultaneamente, o índice de massa corporal, a dobra cutânea tricipital e a
circunferência muscular do braço. A 25-hidroxivitamina D [25(OH)D] foi dosada por
quimiluminescência e o consumo de vitamina D foi avaliado pelo questionário de
frequência alimentar semiquantitativo. Os idosos foram classificados como
hipertensos, segundo o diagnóstico médico e uso de drogas anti-hipertensivas. A
genotipagem do INDEL da ECA ocorreu por reação em cadeia da polimerase
convencional e o CYP11B2-C344T, FokI e BsmI, por RT-RFLP. RESULTADOS: a
amostra foi constituída por 118 (68,2%) mulheres e 55 (31,8%) homens, com idade
variando de 60 a 90 anos; a maioria tinha estado nutricional global inadequado
(n=118; 68,2%). E mais da metade da amostra tinha hipertensão arterial (55,4%).
Verificou-se hipovitaminose D em 66,5% dos participantes e ingestão insuficiente de
vitamina D em 96% dos idosos. Para além disso, houve associação estatisticamente
significativa entre estado nutricional global e estado civil, hipertensão arterial e status
de 25(OH)D. Os resultados da regressão múltipla mostraram que idosos sem
companheiro (OR: 2,85; p=0,003) e com hipovitaminose D (OR: 2,6; p=0,012),
tiveram mais chance de estado nutricional inadequado. Contudo, pessoas idosas
com os dois genótipos, ff do FokI (OR1; OR2: 0,2; p<0,05) e II do INDEL ECA (OR: 11
0.2, p<0,05), tiveram menor chance de estado nutricional inadequado. O status de
25(OH)D mostrou associação estatisticamente significativa com o ENG nos idosos
com os genótipos Ff-FokI, BB-BsmI e CC-CYP11B2-C344T. Nos indivíduos com os
genótipos ID, Ff e Bb observou-se associação entre hipertensão arterial e ENG.
CONCLUSÃO: verificou-se elevada proporção de idosos com estado nutricional
global inadequado e associação estatisticamente significativa com situação conjugal,
hipovitaminose D, hipertensão arterial e polimorfismo VDR-FokI e INDEL da ECA.

MEMBROS DA BANCA:
Interno - 849.404.253-04 - AMANDA DE CASTRO AMORIM - UFPI
Presidente - 1167579 - CECILIA MARIA RESENDE GONCALVES DE CARVALHO
Externo ao Programa - 649.713.503-06 - FLAVIANE ALVES DE PINHO - UFBA
Externo à Instituição - KALUCE GONÇALVES DE SOUSA ALMONDES - UECE
Externo à Instituição - MARIA ADERUZA HORST - UFG
Externo ao Programa - 2221697 - MARIA DO SOCORRO PIRES E CRUZ
Notícia cadastrada em: 18/02/2020 16:28
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.instancia1 03/06/2020 22:45