Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: TÁSSIO HENRIQUE SOUSA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: TÁSSIO HENRIQUE SOUSA SILVA
DATA: 04/09/2020
HORA: 14:30
LOCAL: sistema remoto
TÍTULO: AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE EXTRATOS VEGETAIS DA MICRORREGIÃO DO LITORAL PIAUIENSE SOBRE ISOLADOS AMBIENTAIS E CLÍNICOS DE Cryptococcus SPP
PALAVRAS-CHAVES: Criptococose; Plantas medicinas; Susceptibilidade
PÁGINAS: 54
GRANDE ÁREA: Outra(s)
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Uma crescente aquisição da resistência de bactérias, fungos e parasitas aos antimicrobianos convencionais vêm se tornando um grande problema de saúde mundial gerando um impacto negativo sobre a maneira de tratar estas infecções e com isto surge uma necessidade urgente de novas abordagens terapêuticas. Antifúngicos disponíveis no mercado exibem efeitos colaterais indesejáveis ou induzem a resistência fúngica, sobretudo em indivíduos imunodeprimidos. Dentro desse contexto, os estudos com vegetais se mostram de suma importância, para conferir às plantas seu real papel e valor na terapia, a procura de alternativas de tratamento, além da redução dos efeitos adversos e dos custos. Cryptococcus é um gênero de fungo com distribuição mundial, composto por mais de 38 espécies, das quais, duas, C. neoformans e C. gattii, são responsáveis por causarem doenças em seres humanos, denominada criptococose. A criptococose acomete principalmente indivíduos que convivem com HIV/AIDS, e, portanto, com sistema imune comprometido. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo avaliar diversos extratos e em diferentes solventes, provenientes de cinco espécies de plantas da microrregião de Parnaíba contra cepas de C. neoformans e C. gattii. Foi avaliada a atividade antifúngica de extratos brutos de Aroeira (Myracrodruon urundeuva), Carnaúba (Copernicia prunifera), Ciúme (Calotropis procera), Copaíba (Copaifera coriacea), Pião-Bravo (Jatropha mollissima) por meio do teste de microdiluição em caldoOs resultados abrirão caminho para testes posteriores, como, por exemplo, a triagem fitoquímica e o isolamento e identificação dos compostos, por meio da cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC). 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1221652 - IVANILZA MOREIRA DE ANDRADE
Interno - 025.525.613-22 - JEFFERSON ALMEIDA ROCHA - UFMA
Externo à Instituição - LÚCIA BETÂNIA DA SILVA ANDRADE - UVA
Notícia cadastrada em: 26/08/2020 11:41
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.instancia1 08/03/2021 20:13