Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ANTONIA MICHELE MORAES CARDOSO MEDEIROS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANTONIA MICHELE MORAES CARDOSO MEDEIROS
DATA: 02/08/2022
HORA: 15:00
LOCAL: Defesa online link: https://meet.google.com/uyh-jchc-xod
TÍTULO: Ração a base de farelo de soja integral tostada para alimentação de galinhas caipiras do tipo Canela Preta no período de 15 aos 109 dias
PALAVRAS-CHAVES: avicultura, desempenho, rendimento da carcaça, qualidade da carne, parâmetros ósseos.
PÁGINAS: 42
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Nutrição e Alimentação Animal
RESUMO:

A criação de galinhas caipiras, tradicionalmente, é praticada em todo território brasileiro, especialmente, pelos agricultores familiares, em que tanto os ovos como a carne têm sido a principal fonte de proteínas animal para essas famílias. Para a criação desses animais, a escassez de alimentos proteicos, no período de estiagem, se constitui um dos principais problemas para essa atividade. Objetivou–se  avaliar a viabilidade da substituição do farelo de soja por farelo de soja integral tostado em rações de galinhas caipiras do tipo Canela Preta, em sistema de produção média e familiar, sobre o desempenho (ganho de peso, consumo da ração e conversão alimentar), determinar o rendimento de carcaça dos cortes nobres (peito, coxa, sobrecoxa e asa) e a gordura abdominal dos animais, a qualidade da carne e características da estrutura óssea, no período de 15 aos 109 dias de vida das aves. Foram selecionados, 32 pintinhos do tipo Canela Preta, os quais foram distribuídos em gaiolas de cano pvc e sombrite, medindo 1m² cada, no Setor de Avicultura da Embrapa Meio-Norte. Foram utilizados diferentes níveis de substituição do farelo por soja integral tostada em rações de galinhas do tipo Canela-Preta, no período de 15 a 109 dias, de acordo com a fase da criação de 15 a 35 dias, de 35 a 63 dias, de 63 a 91 e e3 91 a 109 dias (Tabelas 1, 2, 3 e 4). A distribuição das aves foi em delineamento de blocos ao acaso, em função da disposição dos galpões, sendo quatro níveis de substituição do farelo de soja pelo farelo de soja integral tostada nas rações (0, 33, 66 e 100%), com quatro repetições. A unidade experimental foi representada por duas aves/gaiola, utilizando-se, assim, 16 gaiolas, cada uma com área de 1m2, distribuídas em um galpão de alvenaria, cobertos com telhas de barro e piso cimentado. As divisórias entre as gaiolas serão feitas por sombrite, canos pvc e arame liso. Na fase inicial de frangos caipira da raça Canela Preta, a substituição até 38,8% do farelo de soja melhora o ganho de peso e reduz a conversão alimentar, sendo fator de relevância econômica. No período total, envolvendo as fases inicial crescimento 1 e 2 e a final, o nível de substituir do farelo de soja pode ocorrer até 100% do farelo da soja tostada. O rendimento da carcaça e dos principais cortes, como peito, coxa, sobrecoxa, bem como dos órgãos metabolicamente ativos, como fígado, moela e coração e a gordura abdominal, não são influenciados pelos níveis de substituição do farelo de soja pelo farelo de soja integral tostada. Porém, o rendimento da asa e da tulipa até 50% interfere positivamente nestas avariáveis, sem afeta a qualidade da carne, em relação ao peso por cocção, cisalhamento, cor e a estrutura da matriz óssea.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423289 - JOAO BATISTA LOPES
Interno - 423411 - MARIA CHRISTINA SANCHES MURATORI
Externo à Instituição - EDUARDO SPILLARI VIOLA - QUALYFOCO
Notícia cadastrada em: 20/07/2022 11:11
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 01/10/2022 04:26