Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: AIRTON FREITAS FEITOSA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: AIRTON FREITAS FEITOSA
DATA: 25/03/2024
HORA: 17:30
LOCAL: CT-UFPI-Sala Virtual
TÍTULO: AVALIAÇÃO DO ARRANJO OPERACIONAL PARA O MELHOR DESEMPENHO DAS MÁQUINAS ELÉTRICAS ROTATIVAS SÍNCRONAS DE GRANDE PORTE
PALAVRAS-CHAVES: Máquina elétrica rotativa síncrona; geradores hidrelétricos; desmagnetização; garantia física; segurança energética
PÁGINAS: 126
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
RESUMO:

O tema desta dissertação reporta-se à avaliação do arranjo operacional para o melhor desempenho das máquinas elétricas rotativas síncronas de grande porte e se converte na pesquisa que trata do fenômeno da desmagnetização do núcleo do estator de geradores hidrelétricos haja vista a sua notável importância para o setor de geração de energia elétrica. O mesmo foi escolhido com os estudos de casos do ensaio de magnetização do núcleo do estator da Unidade Geradora de Codificação Operacional 01G3 da Usina Hidrelétrica Boa Esperança e da desmagnetização do núcleo do estator do gerador auxiliar da Unidade Geradora de Codificação Operacional 01G4 da Usina Hidrelétrica de Sobradinho. A partir dessa última ocorrência não comum e para o sequenciamento desta pesquisa foi considerado o histórico operacional desse gerador, qual seja, o que foi pesquisado, o porquê da investigação, as providências que foram adotadas para o pronto restabelecimento operacional desse gerador e as consequências para o Sistema Interligado Nacional (SIN). Foi utilizada a metodologia de pesquisa aplicada, qualitativa, explicativa, bibliográfica e estudo de caso desenvolvida por meio do conhecimento e da experiência técnica do autor, circunscrita à rara literatura encontrada nas pesquisas acadêmicas. Por conseguinte, como objetivo foi concebido o estudo de um modelo de desmagnetização do núcleo do estator de geradores hidrelétricos com características eletromecânicas semelhantes ao gerador auxiliar da Unidade Geradora de Codificação Operacional 01G4 da Usina Hidrelétrica de Sobradinho buscando-se analisar as possíveis causas desse fenômeno visando garantir a disponibilidade da geração hidrelétrica e a segurança energética do país. Os resultados esperados indicarão qual solução será a mais indicada para minimizar a possibilidade de fenômenos desta natureza de maneira a se trabalhar com a garantia física do arranjo da usina hidrelétrica e a minimização dos custos operacionais decorrentes. Por esse ângulo fica evidenciada a importância do planejamento prévio da equipe de manutenção elétrica como uma estratégia para asseverar a disponibilidade da geração da planta. Assim, seguramente, as ações preditivas e preventivas contribuirão sobremaneira para assegurar uma energia mais firme e maior segurança energética, assistindo para um menor índice de falhas, proporcionando melhores resultados nos indicadores da qualidade de energia elétrica sem aumentos inviáveis nos custos operacionais do empreendimento representando assim um compromisso com o desenvolvimento do setor elétrico esteado nas três dimensões da sustentabilidade (ambiental, social e econômica).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1615907 - FABIO ROCHA BARBOSA
Interno - 3095957 - HERMES MANOEL GALVÃO CASTELO BRANCO
Interno - 289819 - OTACILIO DA MOTA ALMEIDA
Notícia cadastrada em: 12/03/2024 10:09
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 22/05/2024 02:56