Notícias

Banca de DEFESA: LAYANE SOUZA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LAYANE SOUZA SILVA
DATA: 26/06/2023
HORA: 14:00
LOCAL: Setor 1, bloco 4, sala 5, Laboratório de Neurociência e Psicologia Social
TÍTULO: Saúde mental, abuso de álcool e qualidade do sono: impactos da pandemia por COVID-19 em piauienses
PALAVRAS-CHAVES: COVID-19; Isolamento social; Álcool; Sono; saúde mental.
PÁGINAS: 148
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

O surgimento da COVID-19 foi considerado uma emergência de saúde pública de interesse
internacional, com alto risco de transmissibilidade que se espalhou por todo mundo,
caracterizando-se como uma pandemia a nível global. Seu impacto incluiu o aumento de
sofrimento psíquico e adoecimento mental provocados diretamente pela infecção e/ou por seus
desdobramentos secundários, causando preocupação quanto à apresentação da ansiedade, abuso
de álcool e má qualidade do sono. Pesquisar como a pandemia da COVID-19 afetou a saúde
mental das pessoas no cenário piauiense é de grande relevância social e acadêmica, dado o
impacto da pandemia nessa população e o conhecimento de resultados inéditos que podem ser
utilizados para auxiliar a compreensão dos impactos do contexto pandêmico na saúde mental,
bem como orientar medidas de prevenção e intervenção no público estudado em situações de
crises sanitárias. Dessa forma, essa pesquisa objetivou verificar a relação entre ansiedade frente a
COVID-19 com a qualidade do sono e abuso do álcool no Piauí. Trata-se de um estudo
quantitativo, de corte transversal contendo uma amostra não probabilística por conveniência de
303 pessoas com idade acima de 18 anos. Visando atingir os objetivos propostos foram utilizados
os seguintes instrumentos: Questionário sociodemográfico, Self-Report Questionnaire (SRQ-20),
Coronavirus Anxiety Scale (CAS), Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT),
Morningness and Eveningness Questionnaire versão de autoavaliação (MEQ-AS)1 e o Pittsburgh
Sound Quality Index (PSQI). A coleta de dados foi realizada por meio de redes sociais de forma
online, através do compartilhamento do link com o formulário para respostas, contendo o Termo
de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Posteriormente a análise dos dados foi realizada
utilizando o software estatístico SPSS. Os dados revelaram que a amostra apresentou níveis
respectivamente baixos de ansiedade disfuncional e baixo risco para consumo nocivo de álcool,
assim como sofrimento mental leve durante o período pandêmico de coleta dos dados (agosto a
setembro de 2022), porém revelando má qualidade de sono explicada pela apresentação de
ansiedade desencadeada pela COVID-19. A amostra apresentou características e fatores
singulares de manutenção da saúde mental que funcionaram com proteção para os impactos da
pandemia nessa população, como atividades de manutenção à saúde mental, escolaridade,
espiritualidade e suporte social.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - MICHAEL JACKSON OLIVEIRA DE ANDRADE - UEMG
Presidente - 1816247 - PALOMA CAVALCANTE BEZERRA DE MEDEIROS
Interno - 1867530 - SANDRA ELISA DE ASSIS FREIRE
Notícia cadastrada em: 22/06/2023 08:47
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 18/04/2024 14:17