Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUCIANA KELLY DA SILVA FONSECA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCIANA KELLY DA SILVA FONSECA
DATA: 30/11/2023
HORA: 10:30
LOCAL: Online/Remoto - Google Meet
TÍTULO: Estudo comparativo das representações sociais da velhice feminina, qualidade de vida e covid-19 entre idosas brasileiras e espanholas
PALAVRAS-CHAVES: Qualidade de Vida, COVID-19, Mulher Idosa, Representações Sociais.
PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

O processo de envelhecer é um fenômeno multidimensional que aponta nuances de acordo com as demandas socioeconômicas, raciais, culturais, de gênero e territoriais. Com advento da Pandemia da COVID-19 as pessoas idosas passaram a ser atingidas de forma significativa em todo o mundo. Nesse aspecto, as mulheres no atual contexto são idosas que envelhecem em um cenário de modificações sociais, culturais e econômicas. Assim sendo, a presente pesquisa tem como objetivo geral apreender e comparar as representações sociais dos construtos Velhice Feminina, Qualidade de vida (QV) e Covid-19 entre mulheres idosas dos países Brasil e Espanha, através do aporte teórico-metodológico das Representações Sociais. O estudo é de cunho exploratório-descritivo, com abordagem qualitativa de amostra não-probabilística e por conveniência. A pesquisa contou com 51 mulheres idosas brasileiras e 51 mulheres idosas espanholas. Para a coleta dos dados, foram aplicados questionários sociodemográficos, a Técnica de Associação Livre de Palavras (TALP) e entrevistas em profundidade. As respostas colhidas através questionário sociodemográfico serão processadas no software IBM SPSS versão 25.0, os dados das entrevistas e as respostas da TALP serão submetidos ao programa Iramuteq. O Estudo 1, teve como objetivo analisar por meio de comparação as Representações Sociais de mulheres idosas dos países Brasil e Espanha a respeito da velhice feminina. Foi possível identificar que as RS das idosas estão ancoradas em perspectivas como dificuldades que são mencionadas de maneira correlatas entre as participantes mesmo com diferenças culturais e sociais nos países estudados; ideias de dicotomia sobre a sua velhice com ideias de gratidão, mas também tristeza; Qualidade de vida, sendo análogos ao apoio da família, saúde e dinheiro como diretamente ligado ao bem estar; e ainda aspectos de “compreensões negativas” em ambos os grupos de idosas sobre as repercussões físicas, psicológicas e sociais desta fase da vida. Espera-se que esta pesquisa possa ofertar subsídios na elaboração de estratégias e implementação de melhorias nas práticas psicossociais face aos construtos velhice feminina, qualidade de vida na velhice feminina e COVID-19 nos países estudados, a fim de fornecer subsídios teórico-práticos para os serviços de assistência social, saúde e para mulheres idosas. O Estudo 2 objetivou-se comparar sob a ótica de idosas do Brasil e da Espanha suas representações sociais sobre a Pandemia da COVID-19. As participes mencionam diferentes impactos e complicações durante e após o período pandêmico, podendo mencionar, sobretudo consequências nos âmbitos sociais, políticos, econômicos e na saúde em geral. Diante os resultados, percebe-se que giram em três eixos distintos: (1) essas mulheres comentam sobre os impactos e suas concepções diante da doença de maneira negativa; (2) inferem sobre como a saúde mental selas foram afetadas, trazendo algumas complicações e reverberações em todos os âmbitos da vida; e por fim, (3) pode-se visualizar que essas idosas cultivam um olhar de esperança de dias mais prósperos e diante os acontecimentos pós as ondas de COVID-19, como o avanço da ciência em relação a vacina que auxilia no impacto da doença no organismo humano, bem como afé que ajuda a fortalecer esse olhar de esperança. Nesse aspecto, espera-se que este trabalho possa cooperar na propagação de informações cientificamente comprovadas podendo alcançar diferentes áreas que auxiliem na mitigação dos impactos que foram revelados a partir do olhar dessa mulher mais velha.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - DEUSIVANIA VIEIRA DA SILVA FALCÃO - USP
Presidente - 1551072 - LUDGLEYDSON FERNANDES DE ARAUJO
Interno - 2441003 - RAQUEL PEREIRA BELO
Notícia cadastrada em: 24/11/2023 15:40
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 16/04/2024 10:54