Notícias

Banca de DEFESA: ALINE APARECIDA CARVALHO FRANÇA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALINE APARECIDA CARVALHO FRANÇA
DATA: 21/03/2014
HORA: 14:30
LOCAL: AUDITORIO DO TROPEN
TÍTULO:

ESTUDO DA APLICAÇÃO DO PROCESSO FOTO FENTON E FOTO FENTON SOLAR NA DEGRADAÇÃO DE EFLUENTE TÊXTIL


PALAVRAS-CHAVES:

 

EFLUENTE TÊXTIL; FOTO FENTON; DEGRADAÇÃO SOLAR


PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

Quando lançados de forma incorreta no meio ambiente, os efluentes têxteis podem trazer sérios problemas de contaminação ambiental, pois apresentam elevada carga orgânica e intensa coloração. Desta forma podem trazer alterações significativas ao ecossistema, comprometendo a atividade fotossintética com a diminuição da transparência da água e dificultando a penetração da radiação solar. Diante da complexidade dos efluentes têxteis e sua grande resistência aos tratamentos convencionais, surge a necessidade de aplicar novas tecnologias que sejam capazes de degradar os poluentes. Os processos Oxidativos Avançados (POA’s) apresentam-se como uma alternativa para o tratamento de efluentes têxteis por possibilitar a conversão da maioria dos contaminantes orgânicos em dióxido de carbono, água e sais inorgânicos. Dentre os POA’s merece especial atenção o processo Foto-Fenton que utiliza radiação ultravioleta na geração mais eficiente de radicais hidroxila. Este processo apresenta a possibilidade de utilizar a luz solar como fonte de radiação. O uso da radiação solar torna o processo ambientalmente vantajoso, pois faz uso de energia renovável e não agressiva ao meio ambiente. Neste contexto, o presente trabalho teve por objetivo estudar a eficiência do Processo Foto-Fenton utilizando radiação artificial e solar na degradação do corante têxtil Preto Biozol. No processo com radiação artificial utilizou-se reator de bancada com capacidade de 1L e empregou-se lâmpada de vapor mercúrio de alta pressão 80W. Para o processo com radiação solar utilizou-se reator solar do tipo CPC, com capacidade para 6L, composto por quatro tubos de borossilicato conectados entre si e posicionados sobre canaletas refletoras revestidos em alumínio.Os resultados do presente trabalho indicaram que tanto o processo Foto-Fenton com radiação artificial como o solar podem degradar as substâncias aromáticas em elevada extensão e proporcionar significativa remoção de cor. Os experimentos utilizando radiação solar apresentaram melhores percentuais de remoção de cor nas condições operacionais estudadas com valores em torno de 96 % frente ao processo com radiação artificial com valores de 92%.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1306580 - CARLOS ERNANDO DA SILVA
Externo ao Programa - 1776339 - FRANCISCO FRANCIELLE PINHEIRO DOS SANTOS
Externo à Instituição - GERALDO EDUARDO DA LUZ JUNIOR - UESPI
Interno - 1167538 - JOSE MACHADO MOITA NETO
Notícia cadastrada em: 19/03/2014 15:45
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.instancia1 03/08/2020 11:33