Notícias

Banca de DEFESA: ALAN OLIVEIRA DO Ó

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALAN OLIVEIRA DO Ó
DATA: 12/04/2013
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal, CCA, UFPI
TÍTULO:

Parâmetros genéticos para as características de carcaça e de tamanho corporal de ovinos Santa Inês no Meio-Norte do Brasil.


PALAVRAS-CHAVES:

Área de olho de lombo, escores visuais, gordura de cobertura, herdabilidade, inferência bayesiana, modelo animal, ovinos deslanados


PÁGINAS: 60
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Produção Animal
RESUMO:

A partir de dados coletados de rebanhos de ovinos Santa Inês da região Meio-Norte do Brasil, objetivou-se estimar parâmetros genéticos sob diferentes modelos animais em análises uni e multicaracterística. Foram realizadas mensurações de características de carcaça, tomadas com o auxílio de aparelho de ultrassonografia, e de tamanho corporal de fêmeas ovinas adultas da raça Santa Inês. Os parâmetros genéticos foram estimados utilizando-se um modelo animal linear em análises uni e tri-características para as características com distribuição normal. Nas análises das características com distribuição categórica utilizou-se modelos animais Bayesianos de limiar e linear para a estimação de parâmetros genéticos. Para isso, foram realizadas análises com cadeias a partir de 500.000 ciclos. Considerou-se descarte inicial de 200.000 ciclos, sendo o intervalo de amostragem a cada 250 ciclos, o que resultou em uma distribuição a posteriori de 1.200 amostras. As herdabilidades estimadas variaram de baixas a altas magnitudes. As estimativas dos parâmetros genéticos obtidas por meio do modelo animal multicaracterística apresentaram maiores valores para as características estudadas. A característica de espessura de gordura da garupa mostrou-se responder de forma direta à seleção. As estimativas de herdabilidade obtidas por meio de modelo animal linear e de limiar foram semelhantes. Com o modelo de limiar estimou-se variâncias superiores às obtidas com o modelo. O modelo de limiar foi o modelo que melhor se ajustou à estimação de parâmetros genéticos das características categóricas. As informações coletadas por meio da ultrassonografia mostrou-se uma importante ferramenta, pois possibilitou a estimação de parâmetros genéticos para características de carcaça sem a necessidade de abater o animal para avaliação da carcaça. Progressos genéticos podem ser obtidos ao se utilizar de características de carcaça no melhoramento genético dos ovinos em estudo.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1167774 - JOSE ELIVALTO GUIMARAES CAMPELO
Presidente - 1550485 - JOSE LINDENBERG ROCHA SARMENTO
Externo ao Programa - 1907649 - KATIENE REGIA SILVA SOUSA
Externo à Instituição - MARCOS JACOB DE OLIVEIRA ALMEIDA - EMBRAPA
Notícia cadastrada em: 22/03/2013 14:35
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 23/06/2024 04:11