Notícias

Banca de DEFESA: GEANDRO CARVALHO CASTRO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GEANDRO CARVALHO CASTRO
DATA: 27/02/2019
HORA: 08:00
LOCAL: Núcleo de Pó-graduação em Ciência Animal
TÍTULO: Modelos de regressão aleatória para avaliação do crescimento de caprinos da raça Anglonubiana
PALAVRAS-CHAVES: cria, fêmea, dados longitudinais, MRA,
PÁGINAS: 63
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
RESUMO:

Os caprinos criados em sistema extensivo tem a variação na sensibilidade a verminose um componente genético capaz de provocar alternância de ganho e perda de peso durante a fase de crescimento em animais contemporâneos e o padrão de crescimento pode diferir entre machos e fêmeas, em razão do dimorfismo sexual no tamanho. Assim, conhecer as particularidades das fases do crescimento dos animais é importante para equacionar os interesses do produtor, por exemplo, identificar o melhor momento de seleção para reposição de fêmeas do rebanho, que é possível com a utilização de modelos de regressão aleatória na avaliação da curva de crescimento com informações de pesagens dos indivíduos Com essa pesquisa objetivou-se por meio de comparação de modelos de regressão aleatória determinar os mais adequados para descrever mudanças nos parâmetros genéticos ao longo da curva de descrição do crescimento de caprinos da raça Anglonubiana e obter valor genético para seleção em idades específicas. Foram realizadas análises em dois arquivos de dados: A1 (peso de fêmeas e machos até 130 dias de idade) e A2 (peso de fêmeas até a idade de um ano e meio), totalizando 4379 e 2459 registros de 391 e 261 animais, respectivamente, referentes ao período de 2001 a 2018. Os pesos foram avaliados com modelos de regressão aleatória, contemplando efeitos fixos de grupo de contemporâneo e efeitos aleatórios, genéticos aditivos (direto e materno) e os ambientais permanentes (direto e materno). O modelo de melhor ajuste de variância residual heterogênea para ambos arquivos foi o que considerou os efeitos: genético direto, de ambiente permanente direto, genético materno, e o de ambiente permanente materno ajustado por polinômios de quinta, terceira, terceira e terceira ordens respectivamente (leg5333), diferindo em relação ao número de classes de idade utilizadas na modelagem, A1 com 6 classes e A2 com 4 classes, com 39 e 37 parâmetros, respectivamente, conforme os critérios AIC e BIC.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1167774 - JOSE ELIVALTO GUIMARAES CAMPELO
Interno - 1550485 - JOSE LINDENBERG ROCHA SARMENTO
Externo ao Programa - 3063090 - DIEGO HELCIAS CAVALCANTE
Externo ao Programa - 010.016.663-64 - LUIZ ANTONIO SILVA FIGUEIREDO FILHO - IFMA
Notícia cadastrada em: 12/02/2019 09:35
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 17/06/2024 21:02