• O sistema entrará em processo de atualização de funcionalidades às 22:30. Pedimos a todos que salvem seus trabalhos para que não haja transtornos.
    Agradecemos a compreensão, em 15 minutos o sistema estará de volta.
Notícias

Banca de DEFESA: VICTOR LUAN FERREIRA TÔRRES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VICTOR LUAN FERREIRA TÔRRES
DATA: 25/11/2021
HORA: 15:00
LOCAL: Plataforma Digital Google Meet
TÍTULO: AVALIAÇÃO DA ADIÇÃO DE ORA-PRO-NÓBIS NO TEOR PROTEICO DE BEBIDA LÁCTEA PASTEURIZADA À BASE DE SORO DE LEITE
PALAVRAS-CHAVES: Aproveitamento de subprodutos. Produtos lácteos. Pereskia aculeata Mill
PÁGINAS: 33
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Ciência e Tecnologia de Alimentos
SUBÁREA: Tecnologia de Alimentos
ESPECIALIDADE: Aproveitamento de Subprodutos
RESUMO:

Com esse trabalho objetivou-se desenvolver uma bebida láctea pasteurizada à base de soro de leite com aumento do teor proteico pela adição de ora-pro-nóbis (Pereskia aculeata Miller). Inicialmente foram realizadas as análises de proteína e microscopia para definir a melhor forma de apresentação da ora-pro-nóbis a ser utilizada na produção das bebidas. Estas foram formuladas utilizando soro de leite adquirido em uma indústria de leite de Teresina, Piauí. Este soro foi submetido a análise de acidez e posteriormente utilizado na formulação de cinco bebidas lácteas saborizadas com bacuri (Salvia hispânica L.), adicionadas de diferentes concentrações de ora-pro-nóbis e em seguida submetidas a caracterização físico-química. Com os resultados foi possível constatar que a melhor forma de apresentação de ora-pro-nóbis a ser utilizada são as folhas desidratadas, por apresentarem maior teor de proteínas em relação aos caules desidratados e ao pó comercial e que este pó comercial provavelmente seja uma mistura de caules e folhas. Já nas bebidas, não houve diferença significativa no aumento do teor de proteínas entre as formulações com a utilização da ora-pro-nóbis, mas esta cactácea pode ser utilizada com o intuito de agregar sabor às bebidas. A elaboração desse produto é uma maneira de reduzir desperdícios nutricionais, financeiros e reduzir impactos ambientais pelo descarte inadequado do soro de leite.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423411 - MARIA CHRISTINA SANCHES MURATORI
Interno - 423661 - MARIA MARLUCIA GOMES PEREIRA NOBREGA
Externo ao Programa - 1554007 - FELICIANNA CLARA FONSECA MACHADO
Externo ao Programa - 1555913 - STELLA REGINA ARCANJO MEDEIROS
Externo à Instituição - RODRIGO MACIEL CALVET - IFMA
Notícia cadastrada em: 18/11/2021 09:23
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 14/06/2024 22:26