Notícias

Banca de DEFESA: ANTONIO CICERO DE OLIVEIRA NETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANTONIO CICERO DE OLIVEIRA NETO
DATA: 25/02/2022
HORA: 08:00
LOCAL: Plataforma Google Meet: meet.google.com/nsp-kygg-wgg
TÍTULO: COMPORTAMENTO E COMPOSIÇÃO BOTÂNICA DA DIETA DE OVELHAS EM PASTAGEM NATIVA DE REGIÃO SUBÚMIDA
PALAVRAS-CHAVES: Dopper, escore corporal, forrageiras nativas, pastejo, seletividade
PÁGINAS: 38
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Nutrição e Alimentação Animal
ESPECIALIDADE: Avaliação de Alimentos para Animais
RESUMO:

O conhecimento dos  padrões de comportamento e da dieta de ovinos em pastagens nativas contribui para definir estratégias mais apropriadas de manejo desses animais e também para a conservação de recursos naturais desses ecossistemas pastoris. Neste trabalho o objetivo foi avaliar o comportamento e a composição botânica da dieta e a condição corporal de ovelhas da raça Dopper em pastagem nativa de região subúmida . O estudo foi conduzido nos meses de março de 2020 e janeiro, fevereiro, março de 2021, período chuvoso, no município de José de Freitas-PI. A vegetação local tem característica de parque é predominante herbácea com ocorrência de árvores esparsas. Para avaliação da fitomassa disponível foi utilizado a metodologia de rendimento comparativo, para composição botânica foi usado o método de classificação acumulativa; as plantas identificadas foram colocadas em tabelas e organizadas em famílias e gêneros.  Para avaliar o comportamento das ovelhas em pastejo, cinco animais foram observados quanto aos tempos despendidos nas atividades de pastejo (TP), deslocamento (TD), ruminação (TR) e ócio (TO). Para estimativa da composição botânica da dieta das ovelhas, cinco animais foram observados durante três dias consecutivos no mês de janeiro/2020. O rebanho, composto por 100 animais, foi avaliado quanto a condição através do escore corporal  (EC),  contaminação por verminose, pelo método Famacha®, e realizada  pesagem nos meses de março/2020 e mensalmente de janeiro a março/2021. A massa de forragem  disponível e altura do pasto foi em média  330±60 kg MS ha-1 , e 6,1±0,2 cm, respectivamente. A oferta de forragem média foi 3,4 kg de MS/100 kg de peso corporal.  Quanto a composição botânica do pasto, as gramíneas predominaram, com valores entre 76,31% em março de 2020 e 86, 02% em março de 2021. O pastejo foi a principal atividade desenvolvida pelas ovelhas durante todo o período do experimento e correspondeu a 79% das atividades, o deslocamento em busca por sítios de pastejo correspondeu a 12% do tempo dos animais. As ovelhas permaneceram muito pouco tempo em ócio, apenas 3,06%, e na atividade de ruminação cerca de 5,58% do tempo. A composição botânica da dieta das ovelhas apresentou predominância de gramíneas (48,0%), seguida de leguminosas (23,9%) e outras espécies (23,1%). O peso corporal médio foi 32,9 kg e o EC foi 3,4 e famacha 3,3.  No período chuvoso as ovelhas investem o tempo em pastejo,  garantindo um consumo de nutrientes que permite manter o escore corporal acima de 3,0 o que indica condição corporal para elevada eficiência reprodutiva.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1167667 - ARNAUD AZEVEDO ALVES
Interno - 1550698 - DANIEL LOUCANA DA COSTA ARAUJO
Interno - 423364 - MARIA ELIZABETE DE OLIVEIRA
Externo à Instituição - WANDERSON FIARES DE CARVALHO - IFPI
Notícia cadastrada em: 15/02/2022 21:25
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 17/06/2024 23:34