Notícias

Banca de DEFESA: MARTINS NETO BUENO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARTINS NETO BUENO
DATA: 27/02/2014
HORA: 14:30
LOCAL: Núcleo de Pós-Graduação do Centro de Ciências Agrárias (Auditório da Pós-Graduação)
TÍTULO:

MALEATO DE ENALAPRIL ASSOCIADO À REPRODUÇÃO ANIMAL: NOVA PERSPECTIVA DE MELHORIA DOS INDICES REPRODUTIVOS EM CAPRINOS (Capra aegagrus hircus, LINNAEUS, 1758)


PALAVRAS-CHAVES:

caprinos, IATF, enalapril, inibidor da ECA, angiotensina-(1-7)


PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Medicina Veterinária
SUBÁREA: Reprodução Animal
RESUMO:

O maleato de enalapril, um inibidor da enzima conversora de angiotensina, aumentou a eficiência do protocolo de inseminação artificial em tempo fixo (IATF) em cabras, quando aplicado durante os onze dias do protocolo de sincronização do estro e ovulação, porém há necessidade simplificar o protocolo, para dar praticidade ao seu uso em condições de fazenda. Objetivando avaliar os efeitos da utilização do enalapril sobre a eficiência reprodutiva de cabras submetidas à IATF utilizou-se 94 cabras, divididas em três grupos: Enalapril intravaginal (n= 30), Enalapril subcutâneo (n=30) e Controle (n= 34). Os animais receberam esponjas vaginais impregnadas com 60 mg de acetato de medroxiprogesterona durante 12 dias (D0-D12). No 10º dia realizou-se aplicação IM de 300 UI de eCG e 125 µg de PGF2α, 3mL  SC de maleato de enalapril (20mg/mL) no grupo enalapril subcutâneo e “óvulos” contendo 60 mg de maleato de enalapril no grupo Enalapril intravaginal; em D12 retirou-se as esponjas. Realizou-se duas inseminações, 36h e 48h após a retirada das esponjas, com sêmen de dois reprodutores de reconhecida fertilidade. O diagnóstico de gestação foi ultrassonográfico aos 35 dias. Houve diferença (χ2; P˂0,05) na percentagem de cabras com cérvix relaxada no grupo enalapril intravaginal (43,33%) em relação aos grupos enalapril subcutâneo (6,67%) e controle (8,82%) 36 horas após a retrada das esponjas. Não houve diferença (P<0,05) em relação à prenhez (73,33%; 70,00% e 70,59%), parição (60,00%; 53,33% e 52,94%), perda fetal (18,18%; 23,84% e 25%), partos múltiplos (55,56%; 50,00% e 38,89%), prolificidade (1,78±1,0; 1,56 ±0,63 e 1,50±0,62) e peso (kg) ao nascer (2,64±0,61; 2,50±0,44 e 2,32±0,66) para os grupos enalapril intravagina, enalapril subcutâneo e controle. A utilização do enalapril nestas doses não proporcionou aumento da fertilidade das cabras.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 422864 - JOSE ADALMIR TORRES DE SOUZA
Interno - 423174 - AMILTON PAULO RAPOSO COSTA
Externo à Instituição - JOSÉ RIBAMAR DE SOUZA TORRES JÚNIOR - UFMA
Notícia cadastrada em: 28/01/2014 17:01
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 15/06/2024 10:03