Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LAURO CESAR SOARES FEITOSA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LAURO CESAR SOARES FEITOSA
DATA: 12/02/2014
HORA: 15:00
LOCAL: Auditório do Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal
TÍTULO:

EFEITO DO ENALAPRIL SOBRE ESTERÓIDES SEXUAIS, ANG II E ANG-(1-7) EM CABRAS SPRD SUPEROVULADAS COM FSHp E IMUNOLOCALIZAÇÃO DE ANG II, ANG-(1-7) E ECA II EM OVÁRIOS DE CABRAS.


PALAVRAS-CHAVES:

eca

angiotensina


PÁGINAS: 57
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Medicina Veterinária
SUBÁREA: Reprodução Animal
ESPECIALIDADE: Inseminação Artificial Animal
RESUMO:

Além de um sistema renina angiotensina (SRA) sistêmico, SRA’s locais tem sido descritos em vários órgãos, inclusive no ovário,de várias espécies, onde vem sendo implicado em várias funções reprodutivas como desenvolvimento folicular, maturação oocitária, ovulação e formação do corpo lúteo. Este trabalho teve o objetivo de avaliar o SRA ovariano em situação de superovulação. Para isso, 13 cabras foram aleatoriamente divididas em dois grupos: Enalapril (n=7) e Controle (n=6). Em seguida, receberam tratamento de sincronização do estro inserção de dispositivo intravaginal impregnado com medroxiprogesteronadurante 11 dias e tratamento superovulatório com seis doses decrescentes de FSH suíno nos últimos três dias de tratamento com progestágeno. Receberam ainda 100mg de cloprostenol no nono dia. O grupo enalapril recebeu adicionalmente, por via subcutânea, solução de Maleato de Enalapril (0,4 mg/kg)durante todo o tratamento de sincronização. Foram colhidas amostras de sangue nos dias 3 (D3), 6 (D6), 9 (D9) e 11 (D11), além de amostras de fluido folicular dos folículos pré-ovulatórios após celiotomia e exposição ovariana no D11. Além disso, os folículos ovarianos visíveis foram contados e mensurados. As concentrações de angiotensina II (Ang II) e angiotensina-(1-7) no plasma e no fluido folicular foram avaliadas nos dias 09 e 12 e dia 12, respectivamente, por cromotagrafia líquida (HPLC) seguida de radioimunoensaio. As concentrações de estradiol (E2) e progesterona (P4) no plasma foram realizadas por radioimunoensaio. Não houve diferença (P>0,05) para os níveis de Ang II, E2 e P4 entre os grupos, além de não ter havido diferença para os níveis de Ang-(1-7) no dia 12. Porém, o nível de Ang-(1-7) plasmático foi maior no dia 9 (P<0,05), período importante para o recrutamento e seleção folicular. Assim, concluímos que os achados podem indicar uma possível interação deste peptídeo no desenvolvimento folicular e maturação oocitária em cabras.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423174 - AMILTON PAULO RAPOSO COSTA
Interno - 422864 - JOSE ADALMIR TORRES DE SOUZA
Externo à Instituição - ROMULO JOSE VIEIRA - UFPI
Notícia cadastrada em: 07/02/2014 15:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 23/06/2024 04:17