Notícias

Banca de DEFESA: VICENTE DE PAULA FERNANDES NETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VICENTE DE PAULA FERNANDES NETO
DATA: 20/11/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do Núcleo de Pós-Graduação em Ciências Agrárias
TÍTULO:

EFEITO DA INIBIÇÃO DA ENZIMA CONVERSORA DE ANGIOTENSINA EM
PROTOCOLO DE INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL EM TEMPO FIXO EM CABRAS
(Capra aegagrus hircus, LINNAEUS, 1758)


PALAVRAS-CHAVES:

Sistema Renina, angiotensina, enalapril


PÁGINAS: 37
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Medicina Veterinária
SUBÁREA: Reprodução Animal
RESUMO:

Atualmente são fortes as evidências da presença ativa de um Sistema Renina Angiotensina no ovário, mostrando-se este como mais um fator controlador das funções ovarianas. Se manipulado corretamente, tal fator pode melhorar o desempenho reprodutivo. Apesar de vários trabalhos relatarem a importância da ECA no desenvolvimento folicular e da Ang II no processo de ovulação, há evidências de que estas substâncias não sejam de fundamental importância e/ou até mesmo prejudiciais para tais eventos. Objetivando avaliar os efeitos da inibição da ECA sobre a eficiência de IATF, 69 cabras foram divididas aleatoriamente em dois grupos: Enalapril (n= 35) e Controle (n= 34). O grupo Enalapril recebeu doses crescentes (D0-D2= 2,5mL/dia; D3-D6= 5,0 mL/dia e D7-D11= 6,5 mL/dia) de uma solução de maleato de enalapril na concentração de 2 mg/mL. O grupo controle recebeu o volume correspondente em solução fisiológica a 0,9%. Os animais receberam esponjas vaginais impregnadas com 60 mg de acetato de medroxiprogesterona durante 11 dias (D0-D11). No 9º dia realizou-se aplicação IM de 300 UI de eCG e 125 μg de cloprostenol; em D11, realizou-se a retirada das esponjas. Foi realizada uma única inseminação, 36h após a retirada das esponjas, com sêmen de reprodutores de reconhecida fertilidade. O diagnóstico de gestação foi ultrassonográfico, 30 dias após IA. Não houve diferença significativa (P>0,05) entre os grupos enalapril e controle para o parâmetro manifestação do estro (100% vs 97,06%). Entretanto, houve diferença significativa (P<0,01) em relação à prenhez (62,86% vs 38,24%), parição (60,00% vs 29,41%), incremento de rebanho (94,29% vs 32,35%) e perda fetal (4,55% vs 23,08%).Também houve diferença significativa (P<0,05) em relação à gemelaridade (42,86% vs 10,00%) e, com P=0,07, quanto a prolificidade (1,57±0,81 vs 1,10±0,32). Concluímos que a utilização de inibidor da ECA aumentou a eficiência deste protocolo de IATF em caprinos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423174 - AMILTON PAULO RAPOSO COSTA
Interno - 422864 - JOSE ADALMIR TORRES DE SOUZA
Externo à Instituição - JOSÉ RIBAMAR DE SOUZA TORRES JÚNIOR - UFMA
Notícia cadastrada em: 22/10/2014 10:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 15/06/2024 10:36