Notícias

Banca de DEFESA: TATIANA SARAIVA TORRES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: TATIANA SARAIVA TORRES
DATA: 25/02/2015
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório do Núcleo de Pós-Graduação em Ciências Agrárias
TÍTULO:

Modelos Bayesianos para avaliação genética da resistência a endoparasitas em Caprinos


PALAVRAS-CHAVES:

Cadeia de Markov-Monte Carlo, distribuição de Poisson, herdabilidade, ovos por grama de fezes, resistência parasitaria, seleção.


PÁGINAS: 60
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
RESUMO:

Objetivou-se com este trabalho avaliar o impacto de diferentes distribuições associadas as características ligadas à resistência genética a endoparasitas, utilizando a Inferência Bayesiana, avaliar o impacto das distribuições adotadas na estimação dos parâmetros genéticos e predizer os valores genéticos para características associadas a resistência genética a endoparasitas As características utilizadas para associar a resistência dos animais ao endoparasitismo foram ovos por grama de fezes, coloração da mucosa medida pelo método FAMACHA©, volume globular, escore de condição corporal e peso corporal. As distribuições adotadas para OPG foram a normal e Poisson, para as demais características foi utilizada distribuição normal. Para a característica OPG avaliou-se, também, transformação logarítmica, ajustando distribuição normal, sendo duas transformações com logaritmo natural e duas na base dez, como segue:  (OPG + 1);  (OPG + 100);  (OPG +1) e  (OPG +10). As características foram analisadas através do Modelo Linear Misto, quando considerada a distribuição Normal da característica, e modelo Linear Generalizado Misto quando considerado a distribuição de Poisson. A escolha do melhor modelo bem como a distribuição foi realizada com base no critério de informação da Deviance (DIC) e no quadrado médio do resíduo (QMR). Para OPG a distribuição que melhor se ajustou aos dados foi a Poisson, devido os dados não obedeceram a condição de normalidade. Para a característica coloração da mucosa ocular (FAMACHA©) e escore de condição corporal a distribuição que melhor se ajustou aos dados foi a normal. Ao analisar as estimativas de herdabilidade para a característica OPG nota-se valores da estimativa moderada quando analisada a distribuição de Poisson (0,21), na distribuição normal a herdabilidade foi baixa (0,05) e as transformadas variaram entre 0,34 e 0,53. Para as demais características que seguem distribuição normal a herdabilidade variou entre 0,11 a 0,60. Foram preditos os valores genéticos para as características associadas a resistência genética a endoparasitas e avaliado o ranqueamento dos animais com base nos valores genéticos preditos para OPG, FAMACHA e peso. As correlações em sua maioria positivas e de baixa magnitude, indicando pouca relação genética entre as características. As correlações de ordem entre OPG e as demais características indicaram que os animais com melhores valores genéticos para OPG não foram os melhores animais para as demais características, indicando que a seleção para animais resistentes a endoparasitas não pode ser realizado com base no peso e escores dos animais, pois levaria a resultados insatisfatórios. O uso das características OPG, VG e FAMACHA© podem ser utilizadas para a seleção de forma direta, mostrando ser uma alternativa viável para identificar os indivíduos resistentes as infecções por endoparasitas gastrintestinais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1550485 - JOSE LINDENBERG ROCHA SARMENTO
Interno - 1167774 - JOSE ELIVALTO GUIMARAES CAMPELO
Externo ao Programa - 1907649 - KATIENE REGIA SILVA SOUSA
Externo à Instituição - MARCIO DA SILVA COSTA - NENHUMA
Notícia cadastrada em: 09/03/2015 14:49
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 17/06/2024 19:16