Apresentação
O Projeto do Curso de Mestrado Profissional em Ensino de Física da Universidade Federal do Piauí (UFPI) é resultante da proposta apresentada por parte do grupo de professores de Física atuantes no Campus Ministro Petrônio Portella ao Programa Nacional de Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF), voltado a professores da Educação Básica e Superior com ênfase em nos conteúdos específicos, estratégias e técnicas do ensino de Física. Esse Programa é uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Física (SBF) que tem como objetivo capacitar em nível de mestrado uma fração muito grande de professores da Educação Básica quanto ao domínio de conteúdos de Física e de técnicas atuais de ensino para aplicação em sala de aula. A abrangência desse Programa objetiva ser nacional, presente em todas as regiões do País, sejam elas localizadas em capitais ou estejam afastadas dos grandes centros urbanos. Nessa perspectiva, fica clara a necessidade da colaboração de recursos humanos com formação adequada localizados em diferentes Institutos de Ensino Superior (IES). Para tanto, o Programa está organizado em Polos Regionais, hospedados por alguma IES, onde ocorrerão as orientações dos trabalhos de conclusão de curso e serão ministradas as disciplinas do currículo. Os Polos Regionais serão constituídos por docentes dessas instituições e docentes convidados de outras IFES, devidamente credenciadas. Cada polo contará com um Coordenador local, que deverá gerenciá-lo implementando as ações decididas pelo Conselho de Pós-Graduação do MNPEF, prestar contas e solicitar recursos tanto junto às agências de fomento e à direção da sua IES quanto junto ao Conselho de Pós-Graduação. As atividades serão principalmente presenciais e poderão estar estruturadas de forma a possibilitar que alunos provenientes de localidades próximas possam continuar a ministrar suas aulas. Prevê-se que o MNPEF deva ser cumprido em 24 meses, durante os quais os participantes cursarão sete disciplinas de pós-graduação e produzirão uma Dissertação de Mestrado sob a orientação de um professor cadastrado no programa. O MNPEF será gerido no Polo por um Coordenador, assessorado pelo corpo docente desse polo. Nacionalmente o Programa será gerido pelo Conselho de Pós-Graduação e pela Comissão de Pós-Graduação nacionais, as quais centralizarão as decisões estratégicas e acadêmicas, respectivamente. Nesse contexto, este Projeto contempla a organização estrutural e a normatização do funcionamento do Mestrado Profissional em Ensino de Física na Universidade Federal do Piauí, como polo integrante do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física. OBJETIVO Proporcionar formação em nível de mestrado à profissionais graduados em Física ou áreas afins, atuantes na Educação Básica ou Superior, ampliando e aplicando os saberes teóricos, experimentais e computacionais específicos ao ensino de Física na educação básica. REQUISITOS E FORMAS DE ACESSO Os alunos do MNPEF serão selecionados através de avaliação escrita, entrevista e análise de currículo, elaborada e corrigida pela Comissão de Pós-Graduação do MNPEF, em processos seletivos abertos e tornados públicos mediante edital de seleção, previamente aprovado pela Comissão de Pós-Graduação, a ser publicado com antecedência mínima de 30 (trinta) dias do início do prazo de inscrições. PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSÃO DO CURSO O MNPEF visa formar o professor conhecedor de métodos analíticos, experimentais e computaionais em Física para aplicá-los na educação básica, tendo como perfil: pesquisar, construir e difundir conhecimentos no ensino da Física na educação básica; conhecer e aplicar diferentes técnicas experimentais e tecnologias de informação em sala de aula; produzir objetos de ensino e aprendizagem para o ensino de Física.

Página Alternativa


Coordenação do Programa

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 23/04/2019 03:28