Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ANTONIO FERREIRA SOARES FILHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANTONIO FERREIRA SOARES FILHO
DATA: 10/12/2015
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do Departamento de Química
TÍTULO:

FOTODEGRADAÇÃO DO 17α-ETINILESTRADIOL (EE2) SOBRE MATERIAL NANOESTRUTURADO DO TIPO  WO3-SBA-15


PALAVRAS-CHAVES:

Fotocatálise heterogênea; 17α-etinilestradiol (EE2); WO3-SBA-15


PÁGINAS: 30
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Físico-Química
ESPECIALIDADE: Cinética Química e Catálise
RESUMO:

Nas últimas décadas, a contaminação pelo uso dos desreguladores endócrina (DEs) tem preocupado os pesquisadores em relação à saúde humana e ambiental. Em virtude disso, tem se intensificado estudos para eliminação desses poluentes nos recursos hídricos. Dentre os processos utilizados, a fotocatálise heterogênea vem recebendo destaque. Neste contexto, o presente trabalho teve como objetivo avaliar a fotodegradação, sob radiação UV e solar direta, do 17α-Etinilestradiol (EE2) sobre materiais nanoestruturados do tipo WO3-SBA-15, obtidos por meio da ancoragem direta das nanopartículas (NPs) de WO3 na estrutura mesoporosa da SBA-15. A influência da razão molar Si/W e a temperatura de calcinação dessas estruturas, foi investigada e associada à eficiência do processo fotocatalítico. Os resultados de caracterização dos sólidos catalíticos por DRX, FRX, Raman, FTIR, DRS e adsorção/dessorção de nitrogênio indicaram que houve uma baixa taxa de ancoragem das NPs de WO3 na superfície da SBA-15 e que a funcionalização não promoveu alterações significativas na estrutura mesoporosa e nas propriedades texturais da peneira molecular. Por outro lado, a ancoragem promoveu uma redução, de maneira geral, na Egap dos sólidos WO3-SBA-15, quando comparado ao da SBA-15 de sílica pura; sendo mais intensa nas amostras calcinadas a 600ºC, que apresentam predominantemente WO3 em fase monoclínica. A atividade fotocatalítica dos sólidos WO3-SBA-15 mostrou ser dependente da temperatura de calcinação e da razão molar Si/W, sendo a amostra com razão molar Si/W 50, WO3-SBA-15(50), e calcinada a 600ºC, a que apresentou maior fotocatalítica sob radiação UV, promovendo a degradação de 98% do EE2, após 270 min. Semelhante taxa de fotodegração foi observado quando o teste catalítico foi realizado sob radiação solar direta. Quando a atividade catalítica foi medida por meio da frequência de turnover, a amostra WO3-SBA-15(75) foi a mais ativa. O estudo de reuso dos sólidos catalíticos indicou que não houve perda significativa de atividade após quarto ciclo


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 756.483.183-91 - GERALDO EDUARDO DA LUZ JUNIOR - UESPI
Interno - 2363808 - EDMILSON MIRANDA DE MOURA
Interno - 1714193 - JOSE MILTON ELIAS DE MATOS
Externo à Instituição - LAÉCIO SANTOS CAVALCANTE - UESPI
Notícia cadastrada em: 07/12/2015 08:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.instancia1 27/01/2020 08:44