Notícias

Banca de DEFESA: SAMIA NATACIA PINTO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SAMIA NATACIA PINTO
DATA: 31/08/2016
HORA: 09:00
LOCAL: NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS
TÍTULO:

ALTERAÇÕES NOS ATRIBUTOS QUÍMICOS DE ARGISSOLO ADUBADO COM RESÍDUO LÍQUIDO SUÍNO



PALAVRAS-CHAVES:

Biofertilizante, fertilidade do solo, nutrientes.


PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

Os sistemas de produção agropecuários originam vários tipos de resíduos orgânicos, em especial os suínos. Quando corretamente manejados podem ser utilizados como fornecedores de nutrientes para as plantas melhorando as condições físicas, químicas e biológicas do solo. Objetivou-se avaliar os atributos químicos de um solo cultivado com a cultura do milho utilizando-se doses de resíduos líquidos da suinocultura em épocas de coletas e profundidades do solo.O delineamento experimental adotado foi em blocos casualizados, com quatro repetições, distribuídos em esquema fatorial 5 x 2 x 3, constituindo-se de cinco doses de resíduo líquido da suinocultura (0, 25, 50, 75 e 100 m3 ha-1), três épocas de coleta e duas profundidades do solo. Foram aplicados 100% do resíduo líquido suíno em fundação. A partir de amostras de solo, avaliou-se, cálcio, magnésio, fósforo disponível, potássio, sódio, condutividade elétrica, potencial hidrogeniônico, soma de bases, saturação por base, acidez potencial e capacidade de troca de cátions. A condutividade elétrica e o fósforo do solo não foram influenciados pelas doses de resíduos líquidos da suinocultura. Nas épocas avaliadas os maiores valores de cálcio, magnésio, sódio, potássio, potencial hidrogeniônico, soma de bases, capacidade de troca de cátions, foram observados aos 60 dias após a semeadura. O aumento nas doses de resíduo líquido proporcionou aumento nos teores de sódio e potássio, acidez potencial e redução de cálcio e magnésio no solo. A camada de 0-15 cm de profundidade apresentou maiores quantidades de nutrientes, para soma de bases, saturação por base e capacidade de troca de cátions. A aplicação de resíduo líquido da suinocultura incrementa os teores de nutrientes no solo, melhorando as características químicas e físico-químicas.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2058762 - ARTENISA CERQUEIRA RODRIGUES
Interno - 1969948 - CARLOS JOSE GONCALVES DE SOUZA LIMA
Externo à Instituição - FERNANDO SILVA ARAÚJO - UESPI
Externo à Instituição - HENRIQUE ANTUNES DE SOUZA - EMBRAPA
Presidente - 1552372 - LUIS ALFREDO PINHEIRO LEAL NUNES
Notícia cadastrada em: 22/08/2016 14:13
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 18/06/2021 14:24