Notícias

Banca de DEFESA: JANAÍNA BARROS SIQUEIRA MENDES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JANAÍNA BARROS SIQUEIRA MENDES
DATA: 17/03/2017
HORA: 14:00
LOCAL: AUDITÓRIO DO NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS
TÍTULO: TRICHODERMA INDUZ O CRESCIMENTO E A FIXAÇÃO SIMBIÓTICA DO NITROGÊNIO EM PLANTAS NODULADAS DE FEIJÃO-CAUPI
PALAVRAS-CHAVES: Bactérias diazotróficas, Fungos, Sinergismo.
PÁGINAS: 71
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

A coinoculação consiste em combinar diferentes microrganismos visando a obtenção de efeitos sinérgicos nos vegetais. A hipótese de que a aplicação de Trichoderma aumenta a fixação de nitrogênio (N) pelo Bradyrhizobium e, consequentemente, o desenvolvimento do feijão-caupi foi testada neste estudo. Portanto, objetivou-se avaliar a fixação simbiótica do N bem como o desenvolvimento do feijão-caupi coinoculado com Bradyrhizobium sp. (BR 3267) e Trichoderma. Sementes de feijão-caupi cv. Tumucumaque foram semeadas em vasos de Leonard contendo areia lavada e autoclavada e, simultaneamente, inoculadas com BR 3267 ou coinoculadas com BR 3267 e Trichoderma. Utilizou-se dez estirpes de Trichoderma das espécies T. asperelloides (UFPI-01, UFPI-02, UFPI-04, UFPI-74, UFPI-76 ou UFPI-96), T. asperellum (UFPI-77) e T. harzianum (UFPI-44, UFPI-78 ou UFPI-92). Plantas não inoculadas foram utilizadas como testemunha absoluta. Todas as plantas foram mantidas em casa de vegetação e irrigadas com solução nutritiva isenta de N até a coleta (aos 42 dias). Registrou-se que as dez estirpes de Trichoderma foram eficientes em solubilizar fosfato, produzir ácido indol-3-acético e liberar amilases e lipases no meio de cultura. O uso combinado de BR 3267 e UFPI-02, BR 3267 e UFPI-74, BR 3267 e UFPI-77 ou BR 3267 e UFPI-78 resultou em plantas de feijão-caupi com maior taxa de crescimento absoluto (TCA). As plantas coinoculadas com BR 3267 e UFPI-04, BR 3267 e UFPI-44 ou BR 3267 e UFPI-92 exibiram menor TCA e ausência de nódulos radiculares. Registrou-se maior número e massa seca de nódulos, N acumulado e teor de N nas plantas de feijão-caupi coinoculadas com BR 3267 e UFPI-02. A eficiência da fixação de N foi superior nas plantas coinoculadas com BR 3267 e UFPI-02, com BR 3267 e UFPI-76 ou com BR 3267 e UFPI-96. No geral, o feijão-caupi exibiu melhor desenvolvimento quando coinoculadas com BR 3267 e Trichoderma, principalmente com as estirpes UFPI-02 ou UFPI-78, indicando que houve sinergismo entre estes microrganismos. Os resultados são atribuídos à melhoria da fixação simbiótica do N na presença do Trichoderma que resultou em maior fornecimento de N e melhor desenvolvimento das plantas de feijão-caupi.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2058762 - ARTENISA CERQUEIRA RODRIGUES
Interno - 1944136 - AURENIVIA BONIFACIO DE LIMA
Interno - 2058623 - JOSE EVANDO AGUIAR BESERRA JUNIOR
Externo ao Programa - 2222318 - MARIA JAISLANNY LACERDA E MEDEIROS NOGUEIRA
Notícia cadastrada em: 17/03/2017 08:06
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 22/06/2021 07:13