Notícias

Banca de DEFESA: THAIS ALVES NOGUEIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: THAIS ALVES NOGUEIRA
DATA: 29/01/2019
HORA: 16:00
LOCAL: Sala de Reunião do Departamento de Educação Física, Campus Ministro Petrônio Portella, Teresina.
TÍTULO: ANÁLISE DA APTIDÃO FÍSICA RELACIONADA À SAÚDE DE ESTUDANTES DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DE UMA UNIVERSIDADE FEDERAL DO NORDESTE
PALAVRAS-CHAVES: Estudantes de Educação Física. Aptidão Física. Saúde. DCNT.
PÁGINAS: 86
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Saúde Coletiva
RESUMO:

Atualmente tem se observado que as incidências de mortes são ocasionadas por diversos fatores relacionados ao comportamento humano, entre eles baixos níveis de aptidão física ou pela inatividade física. O objetivo dessa pesquisa foi analisar os indicadores da aptidão física relacionada à saúde de estudantes do curso de Educação Física, de uma Universidade Federal do Nordeste.  É um estudo do tipo transversal com o total de 74 estudantes do 1º e 4º ano de curso (41 estudantes do sexo masculino e 33 do sexo feminino) com média de idade de 21,5±4,35 anos e altura de 1,69±0,08m. Utilizou-se testes físicos, dados antropométricos, hemodinâmicos, composição corporal e o questionário internacional de atividade física em sua versão curta, IPAQ. Os resultados mostraram que os parâmetros antropométricos e hemodinâmicos não diferiram entre os grupos (1º ano e 4º ano); os componentes da composição corporal (Índice de Massa Corporal, Percentagem de Gordura Corporal e Visceral) foram estatisticamente maiores (p<0,05) nos estudantes do 4º ano, por outro lado, a Massa Corporal Magra apresentou significante redução. Na comparação entre os grupos para os testes físicos, a Flexibilidade, a força de membros superiores e o nível de atividade física foram maiores estatisticamente significantes em estudantes do 4º ano de curso; todavia, estes possuem 3,1 vezes mais chances em ter fatores de risco relacionado às Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT). Desta forma, conclui-se que estudantes do 1º ano de curso têm melhores níveis de aptidão física no componente de composição corporal, com menor percentual de gordura corporal e maior percentual de massa corporal magra. E que alunos do 4º ano de curso têm melhor nível de aptidão física nos componentes de força muscular de membros superiores e resistência abdominal, observa-se ainda, que são fisicamente mais ativos que alunos do 1º ano de curso. Contudo, estes estudantes têm 208% mais chances de ter fator risco para DCNT que alunos do 1º ano do curso.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423325 - VIRIATO CAMPELO
Interno - 3342770 - MARCOS ANTONIO PEREIRA DOS SANTOS
Externo ao Programa - 1167637 - AHECIO KLEBER ARAUJO BRITO
Externo ao Programa - 3891690 - MARA JORDANA MAGALHAES COSTA
Notícia cadastrada em: 23/01/2019 16:10
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 21/06/2024 07:11