Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: RUMAO BATISTA NUNES DE CARVALHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RUMAO BATISTA NUNES DE CARVALHO
DATA: 11/12/2015
HORA: 09:00
LOCAL: Centro de Ciências da Saúde, na cidade de Teresina-PI.
TÍTULO:

Fatores de risco cardiovasculares e síndrome metabólica em crianças e adolescentes


PALAVRAS-CHAVES:

Sedentarismo. Obesidade. Fatores de Risco. Síndrome X Metabólica


PÁGINAS: 62
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Saúde Coletiva
RESUMO:

Nas últimas décadas, as Doenças Cardiovasculares (DCV) foram responsáveis pela morte de 17 milhões de pessoas, comportamento, esse, semelhante as grandes endemias dos séculos passados ao se analisar sua epidemiologia. A presença da obesidade aliada à Síndrome Metabólica (SM) é fator imprescindível no desenvolvimento de doenças cardiovasculares ainda na infância, como também, a apresentação da Diabetes Melito Tipo 2 (DM2). E não obstante, o sedentarismo contribui significativamente para o surgimento dessas disfunções. No contexto internacional e no Brasil há evidências quanto a prevalência de fatores de risco cardiovascular e SM. No estado do Piauí e especificamente na cidade de Picos, se conhece pouco a sua prevalência, assim como de seus fatores isolados e/ou associados em populações específicas, como em escolares. Objetivou-se avaliar a frequência de fatores de risco cardiovascular entre crianças e adolescentes e sua associação com a SM. Trata-se de um estudo descritivo e transversal, realizado com 421 crianças e adolescentes entre 9 e 17 anos, de escolas públicas municipais da cidade de Picos – PI, em 2014. Inicialmente os estudantes preencheram um instrumento contendo dados de identificação, socioeconômicas e relacionados a prática de atividade física. Em segundo momento, foram avaliados os dados antropométricos peso, altura, índice de massa corporal e circunferência abdominal, como ainda mensurado a pressão arterial. Coletas sanguíneas foram realizadas por um laboratório especializado, respeitando o jejum de doze horas, para glicemia venosa, triglicerídeos e HDL – colesterol. Para o diagnóstico de SM utilizou-se o proposto por Cook et al. (2003). O projeto foi submetido ao Comitê de Ética em Pesquisas com Seres Humanos da Universidade Federal do Piauí, obtendo aprovação sob parecer nº 714.995.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1552848 - ANA ROBERTA VILAROUCA DA SILVA
Interno - 2730060 - LUISA HELENA DE OLIVEIRA LIMA
Interno - 2365867 - MAURICIO BATISTA PAES LANDIM
Notícia cadastrada em: 19/03/2015 10:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 25/06/2024 19:53