Últimas Notícias
Banca de DEFESA: LUIS ANDRES SALAZAR CARABALLO
Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUIS ANDRES SALAZAR CARABALLO
DATA: 28/08/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Sala Virtual no Google Meet
TÍTULO: Estudo de associação genômica ampla e análise de tendência genética aplicados à prolificidade na raça Santa Inês
PALAVRAS-CHAVES: Ganho genético, BLUP, ovinos de corte, parto múltiplo, ssGBLUP, ssGWAS
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
RESUMO:

A inclusão de informação genômica pode auxiliar na identificação de regiões cromossômicas associadas à prolificidade, bem como na avaliação da tendência genética desta característica ao longo dos anos, de modo a auxiliar no entendimento da dinâmica reprodutiva de uma determinada raça. Portanto, objetivou-se realizar um estudo de associação genômica ampla (GWAS) para identificar regiões associadas à prolificidade na raça ovina Santa Inês, assim como uma análise para verificar a tendência genética desta característica na população avaliada. Foram utilizados 1.584 registros de prolificidade ocorridos entre os anos de 2000 e 2018, referentes a 715 fêmeas, em 18 fazendas. O número de animais na genealogia foi igual a 1.696. Destes, 389 indivíduos foram genotipados com o painel Ovine SNP50 BeadChip (Illumina, Inc.). No Capítulo I, foi utilizada a metodologia single-step GWAS (ssGWAS) para a identificação de regiões genômicas associadas à prolificidade. Foram identificadas 21 janelas de 10 SNPs adjacentes que explicaram pelos menos 0,5% da variância genética aditiva para a característica avaliada. Nessas regiões foram identificados genes que, possivelmente, estão envolvidos na secreção de hormônios que influenciam os distintos processos reprodutivos da fêmea, assim como genes envolvidos na manutenção do embrião desde a concepção até a etapa do nascimento. No Capítulo II, foram utilizadas as metodologias BLUP (best linear unbiased predictor) e ssGBLUP (single-step genomic best linear unbiased predictor) para predizer os valores genéticos e estimar a tendência genética para prolificidade na raça Santa Inês. Os resultados deste estudo mostraram que o progresso genético para a característica prolificidade na raça Santa Inês criada na sub-região Meio-Norte do Brasil foi praticamente zero, nas últimas duas décadas avaliadas. Os valores de tendência genética obtidos com uso dos métodos BLUP e ssGBLUP não mostraram diferença aparente. Além disso, foram observadas leves flutuações ao longo da maior parte dos anos avaliados, provavelmente devido ao acaso. Os resultados indicaram que a prolificidade apresenta natureza poligênica na população ovina avaliada, destacando genes associados à manutenção do embrião durante todo o ciclo gestacional. As baixas tendências genéticas podem significar que os esquemas de seleção para prolificidade na raça Santa Inês são inexistentes ou não têm sido efetivos para promover ganhos genéticos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1550485 - JOSE LINDENBERG ROCHA SARMENTO
Interno - 2993761 - NATANAEL PEREIRA DA SILVA SANTOS
Externo ao Programa - 7423630 - ANTONIO DE SOUSA JUNIOR
Externo à Instituição - LUCIANO SILVA SENA - NENHUMA
Externo à Instituição - LUIS GABRIEL GONZALEZ HERRERA - UNAL

Cadastrada em: 18/08/2020
Mais Notícias
Processos Seletivos Veja abaixo os processos seletivos disponíveis para nosso Programa de Pós-Graduação.
Calendário Fique por dentro dos eventos relacionados ao nosso Programa de Pós-Graduação.
  • 29/09/2020 - 30/09/2020 · Matrícula para o período 2020.2.
  • 05/10/2020 · Início do período letivo 2020.2.
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 20/09/2020 07:39