Notícias

Banca de DEFESA: ÉRICA PATRICIA DE OLIVEIRA SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ÉRICA PATRICIA DE OLIVEIRA SANTOS
DATA: 30/06/2022
HORA: 14:00
LOCAL: SALA 323G (PPGS)
TÍTULO: PERSPECTIVAS DOS ESTUDOS DE GÊNERO E VIOLÊNCIA DE GÊNERO: contribuições das pesquisas desenvolvidas no Programa de Pós- Graduação de Sociologia-UFPI.
PALAVRAS-CHAVES: Gênero. Violência de Gênero. Dissertações PPGS-UFPI. Estudos Feministas.
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
RESUMO:

O presente trabalho adentra nos estudos e pesquisas do Programa de Pós-graduação de Sociologia — PPGS/UFPI, desenvolvidas por mestrandas/o inseridas/o na linha de pesquisa: Gênero, sexualidades e geração. As dissertações selecionadas analisam questões relacionadas aos estudos de gênero, especialmente as problemáticas sociais que evidenciam as violências de gênero e suas distintas manifestações em diferentes contextos. Nesta perspectiva, elaborei as seguintes questões norteadoras: Quais percepções e sentidos são atribuídos aos conceitos de gênero e violências de gênero nas pesquisas defendidas no período de 2014-2021 do PPGS/UFPI? Quais aportes teóricos-metodológicos são referenciados nas análises das problemáticas de gênero e violência das pesquisas selecionadas? Proponho como objetivo geral: Conhecer os procedimentos teóricos-metodológicos para análise dos sentidos e significados de gênero e violências de gênero atribuídos pelos autores e autoras das dissertações investigadas. E como objetivos específicos: 1) Revisitar estudos e teorias das principais estudiosas das abordagens de gênero e violências de gênero; 2) Realizar um balanço das dissertações que evidenciam estudos sobre gênero e violências de gênero, através da análise dos temas e resumos;3) Apresentar os principais marcos teóricos presentes nas dissertações analisadas relacionando-os aos estudos de gênero na atualidade. É um estudo qualitativo, tendo como base a pesquisa documental e bibliográfica, com ênfase na análise de conteúdo segundo Bardin (2011). A abordagem teórica está ancorada na perspectiva analítica das seguintes autoras: Joan Scott (1995); Raewyn Connell (2015, 2016); Heleieth Saffioti (2015); Judith Butler(2016) e Guacira Lopes Louro (1997). Portanto, os resultados da pesquisa contemplam os dados das dissertações defendidas por pesquisadores da linha de gênero, sexualidades e geração a partir de 2014 e demonstram os investimentos coletivos e pessoais dos professores e discentes comprometidos em fazer avançar os estudos sobre gênero e violência de gênero, considerando o campo de abrangência de atuação do PPGS/UFPI, assim como as demandas sociais que afetam essa área de conhecimento.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1167589 - FRANCISCO DE OLIVEIRA BARROS JUNIOR
Externo ao Programa - 2155275 - MARIA DOLORES DOS SANTOS VIEIRA
Presidente - 4221710 - MARIA ROSANGELA DE SOUZA
Notícia cadastrada em: 20/06/2022 10:37
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 15/08/2022 16:40