• O sistema entrará em processo de atualização de funcionalidades às 13:30. Pedimos a todos que salvem seus trabalhos para que não haja transtornos.
    Agradecemos a compreensão, em 15 minutos o sistema estará de volta.
Notícias

Banca de DEFESA: ANA ALICE SALMITO NOLETO DE CAMPOS FERREIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANA ALICE SALMITO NOLETO DE CAMPOS FERREIRA
DATA: 29/08/2015
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de vídeo conferência (lado da direção)
TÍTULO:

Classificação De Coeficientes De Variação Em Experimentos De Nutrição E Produção De Aves: Métodos E Fatores Que Influenciam


PALAVRAS-CHAVES:

aves, Microsoft Excel 2010 ®, estatística descritiva


PÁGINAS: 65
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Produção Animal
ESPECIALIDADE: Criação de Animais
RESUMO:

O objetivo deste trabalho foi avaliar o coeficiente de variação (CV) e estabelecer faixas de classificação para as principais variáveis avaliadas em experimentação com aves por diferentes métodos. Os dados de CV de diferentes variáveis-respostas observados nos artigos de aves (frangos, poedeiras, matrizes, galos, codornas) publicados em cinco periódicos nacionais foram tabulados em planilha do Microsoft Excel 2010® , em seguida submetidos a avaliação da normalidade pelo método de Shapiro-Wilk, e posteriormente foram utilizadas funções matemáticas da estatística descritiva para a obtenção dos valores: máximo, mínimo, amplitude, média, mediana, mediana interquartílica, desvio-padrão, primeiro quartil, terceiro quartil, amplitude interquartílica e pseudo-sigma. Com base nos valores obtidos de média, medianas, desvio padrão e pseudo-sigma dos CVs de cada variável, foram elaboradas faixas de classificação de coeficiente de variação, considerando seis diferentes métodos adaptados de métodos já descritos na literatura. Os resultados obtidos indicaram que as faixas de classificação estabelecidas para CVs em experimentos de aves estão abaixo das definidas em textos estatísticos, observando maior amplitude de faixas de classificação para a variável mortalidade. É possível utilizar a mediana interquartílica, o pseudo-sigma, a média e desvio padrão para classificação dos CVs, porém o uso do desvio-padrão promove faixas de classificação incoerentes em determinadas variáveis. De uma forma geral os coeficientes de variação para dados desempenho (consumo de ração, ganho de peso, conversão alimentar, viabilidade, rendimento de carcaça e rendimento de peito) e produção de ovos (produção de ovos, peso ovo, massa ovos, conversão alimentar por massa de ovos, conversão alimentar por dúzia de ovos) podem considerados baixos quando os valores de CV forem menores que 2,23; médio entre 2,24 e 7,95; alto entre 7,96 e 10,81 e muito alto acima de 10,82%. Ressaltando que a mortalidade possui por natureza uma classificação de CV bastante elevada.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1650875 - LEILANE ROCHA BARROS DOURADO
Interno - 1907649 - KATIENE REGIA SILVA SOUSA
Externo à Instituição - SANDRA REGINA FREITAS PINHEIRO - UFVJM
Notícia cadastrada em: 19/08/2015 21:53
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 28/09/2022 13:25