Notícias

Banca de DEFESA: TIAGO VIEIRA DE ANDRADE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: TIAGO VIEIRA DE ANDRADE
DATA: 26/02/2016
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de reunião do CPCE
TÍTULO:

COMPOSIÇÃO QUÍMICA E ENERGÉTICA DO MILHO INFESTADO POR SITOPHILUS ZEAMAIS PARA FRANGOS DE CORTE



PALAVRAS-CHAVES:

avicultura, cultivares de milho, gorgulho, produção de ração, valores nutricionais.


PÁGINAS: 59
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Nutrição e Alimentação Animal
ESPECIALIDADE: Avaliação de Alimentos para Animais
RESUMO:

O presente estudo foi desenvolvido com o objetivo avaliar a composição química e energética do milho para frangos de corte em função de cultivares de milho, Al Bandeirante e DKB 390 PRO2, infestados por Sitophilus zeamais nos períodos de armazenamentos de 0, 30 e 60 dias sob diferentes temperaturas. No primeiro experimento foi analisado a composição química do milho após 30 e 60 dias de armazenamento e infestado por Sitophilus zeamais, nas densidades 25, 50 e 75 de insetos e mantidos em diferentes temperaturas de 27º, 30º e 37º C. Foi determinado os teores de Matéria Seca (MS), Proteína Bruta (PB), Extrato Etéreo (EE), Matéria Mineral (MM), Fibra em Detergente Neutro (FDN) e Fibra em Detergente Ácido (FDA). Observou-se diferença e interação significativa (P<0,05) para os valores de Matéria Seca, Proteína Bruta, Matéria Mineral, Extrato Etéreo, Fibra em Detergente Neutro e Fibra em Detergente Acido do milho em função das cultivares Al bandeirante e DKB 390 PRO2. O segundo experimento teve duração de oito dias, foi utilizado o método de coleta total de excretas, para a determinação da Energia Metabolizável Aparente (EMA) e aparente corrigida (EMAn) do milho. Foram utilizados 245 pintos de corte machos, da linhagem Cobb500, do 12º aos 20º dias de idade. Não houve interação significativa (P>0,05) entre a variedade do milho e os períodos de armazenamento. A composição química do milho em função das cultivares, Al Bandeirante e DKB 390 PRO2, para frangos de corte foi alterada pela infestação de Sitophilus zeamais por até 60 dias de armazenamento sob diferentes temperaturas. Entretanto, a energia metabolizável não é alterada pela infestação de Sitophilus zeamais por até 60 dias de armazenamento. De acordo com os resultados, comprova-se a importância de pesquisas que avaliem a qualidade nutricional, aproveitamento dos nutrientes e o controle da qualidade de grãos armazenados de modo a proporcionar um ingrediente de boa qualidade nutricional que possibilite a formulação de rações mais eficientes, no desenvolvimento de frangos de corte, resultando em bons índices produtivos na avicultura industrial.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1545386 - STELIO BEZERRA PINHEIRO DE LIMA
Interno - 1650875 - LEILANE ROCHA BARROS DOURADO
Externo à Instituição - CARLOS BÔA-VIAGEM RABELLO - UFRPE
Externo à Instituição - FÁBIO SALES DE ALBUQUERQUE CUNHA - NENHUMA
Notícia cadastrada em: 22/02/2016 10:09
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 28/09/2022 13:56