Notícias

Banca de DEFESA: CARLOS BARBOSA DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CARLOS BARBOSA DOS SANTOS
DATA: 17/03/2016
HORA: 08:30
LOCAL: CPCE
TÍTULO:

Parâmetros Hematológicos, Bioquímicos e Ruminais de Cabras Lactantes Alimentadas com dietas contendo Resíduo Lipídico Oriundo da Produção do Biodiesel


PALAVRAS-CHAVES:

bioquímica sérica, fermentação ruminal, glicerol, hemograma


PÁGINAS: 77
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Nutrição e Alimentação Animal
ESPECIALIDADE: Avaliação de Alimentos para Animais
RESUMO:

Objetivou-se avaliar o perfil hematológico, a bioquímica sérica e os aspectos físico-químicos e microbiológicos do fluido ruminal em cabras lactantes alimentadas com resíduo lipídico (RL; 30% glicerol), oriundo da produção de biodiesel a partir de óleo residual de fritura. Foram utilizadas oito cabras, com idade média de 2 ± 0,3 e 42,06 ± 3,5 kg de peso corporal (PC), mantidas em baias individuais recebendo quatro dietas contendo 0, 7, 14 e 21% de RL (%MS). O experimento teve duração de 80 dias, sendo dividido em quatro períodos de 20 dias, sendo 15 dias para adaptação e cinco dias para coleta de dados. O delineamento utilizado foi o de quadrado latino 4 × 4, sendo conduzido dois quadros simultâneos. As amostras de sangue foram coletadas no 1º, 3º e 5º após a adaptação, sempre antes dos animais receberem a alimentação da manhã. A coleta foi realizada por punção da veia jungular para realização de hemograma e perfil bioquímico-sérico. Foram colhidos 200 mL de líquido ruminal, via sonda orogástrica, durante o quinto dia de cada período experimental, quatro horas após o fornecimento da ração. Contrastes ortogonais foram testados para efeitos linear e quadrático, bem como os efeitos de 0% do RL na dieta em comparação com os outros tratamentos, sendo estes significativos quando o P≤0,05. Para os parâmetros sanguineos, o consumo dos nutrientes MS, PB e MM kg/dia decresceram linearmente (P<0,05) e o consumo de EE comportou-se de forma quadrática. Houve efeito linear decrescente nas concentrações do hematócrito (P<0,002), hemoglobina (P<0,025) e hemácias (P<0,000). O contraste 0% × RL foi significativo (P<0,029) apenas para a contagem de hemácias. Houve efeito linear decrescente (P<0,037) para as concentrações séricas de fósforo e uma tendência quadrática (P<0,056) para as concentrações séricas de cálcio. No entanto, não foram verificados efeitos significativos (P>0,05) para as concentrações de magnésio, glicose, colesterol total, triglicerídeos, proteína total, albumina, globulinas, ureia e creatinina, aspartato aminotransferase (AST) e fosfatase alcalino (FA). Para os parâmetros ruminais, houve efeito linear decrescente (P<0,05) sob o consumo da MS e FDN, bem como efeito quadrático (P<0,05) sob o consumo de EE. A inclusão de RL influenciou (P<0,0001) a motilidade e densidade dos protozoários. Não houve efeito (P>0,05) dos tratamentos sob pH, concentração de N-NH3 e percentual de protozoários do líquido ruminal. Houve efeito linear crescente sob o tempo de flotação e sedimentação (TFS). Conclui-se que o RL (30,6% de glicerol) provoca alterações nos parâmetros sanguíneos e ruminais. Sugere-se que a inclusão de RL em até 7% na MS pode ser usado sem promover problemas metabólicos.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1712960 - MARCOS JACOME DE ARAUJO
Externo ao Programa - 1773208 - FERNANDA PATRICIA GOTTARDI
Externo ao Programa - 1141778 - VIVIANY LUCIA FERNANDES DOS SANTOS
Notícia cadastrada em: 08/03/2016 09:55
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 03/10/2022 17:49