Notícias

Banca de DEFESA: BRENA MAIA SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: BRENA MAIA SANTOS
DATA: 13/10/2021
HORA: 08:00
LOCAL: Sala virtual
TÍTULO: Redes de sensores IoT em edifícios inteligentes: uma avaliação de desempenho usando modelos de filas
PALAVRAS-CHAVES: Internet das coisas (IoT), edifício inteligente, modelo de fila, redes de sensores
PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Ciência da Computação
SUBÁREA: Sistemas de Computação
ESPECIALIDADE: Arquitetura de Sistemas de Computação
RESUMO:

Edifícios inteligentes nas grandes cidades estão hoje equipados com uma infraestrutura de Internet das Coisas (IoT) para permitir o monitoramento constante de diferentes aspectos do dia a dia das pessoas por meio de dispositivos IoT e redes de sensores. O mau funcionamento e a baixa qualidade de serviço (QoS) de tais dispositivos e redes podem causar sérios danos à propriedade e talvez morte de pessoas. Portanto, é de suma importância quantificar diferentes métricas relacionadas ao desempenho operacional dos sistemas que compõem tal arquitetura computacional, mesmo antes da construção do edifício. Estudos anteriores usaram modelos analíticos considerando diferentes aspectos para avaliar o desempenho de sistemas de monitoramento de edifícios. No entanto, alguns pontos críticos ainda faltam na literatura, como (i) analisar a capacidade dos recursos computacionais adequados à demanda de dados, ii) representação do número de núcleos por máquina e iii) o agrupamento de sensores por localização. Este trabalho propõe um modelo de rede de filas para avaliar o desempenho de uma infraestrutura de edifício inteligente associada a múltiplas camadas de processamento: borda e névoa. Uma análise de sensibilidade abrangente do modelo foi realizada usando o método Design of Experiments (DoE) para identificar gargalos na proposta. Uma série de estudos de caso foi realizada com base nos resultados do DoE. Os resultados do DoE permitiram concluir, por exemplo, que o número de nós pode ter mais impacto no tempo de resposta do que o número de núcleos desses nós. As análises numéricas permitem observar o comportamento das seguintes métricas: tempo médio de resposta, taxa de utilização de recursos, throughput, taxa de descarte e número de mensagens no sistema. Essas análises mostram que a taxa de chegada e o número de recursos disponíveis na névoa podem ser muito influentes no desempenho da rede. O modelo proposto e as análises realizadas podem ajudar os projetistas de sistemas a otimizar suas arquiteturas computacionais antes mesmo da construção do edifício.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1042211 - FRANCISCO AIRTON PEREIRA DA SILVA
Interno - 1732950 - JOSE VALDEMIR DOS REIS JUNIOR
Interno - 2619458 - ERICO MENESES LEAO
Externo à Instituição - PATRICIA TAKAKO ENDO - UPE
Notícia cadastrada em: 20/09/2021 08:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 23/03/2023 02:20