Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ANNE CAROLINE GOMES MOURA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANNE CAROLINE GOMES MOURA
DATA: 07/12/2017
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de Reunião da Direção do Campus
TÍTULO: Medidas de Sexting: evidências de validade e precisão em contexto brasileiro
PALAVRAS-CHAVES: Sexting; Medidas; Atitude; Motivação; Comportamento
PÁGINAS: 52
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

Sexting é uma expressão que deriva do inglês, é a junção palavra sex (sexo) com texting (torpedo), e é definido como a troca de mensagens de textos, fotos ou vídeos sexualmente sugestivos e/ou provocantes, por intermédio de smartphones, internet ou redes sociais. Na última década, os avanços tecnológicos ocasionaram mudanças consideráveis na dinâmica de comunicação, gerando um novo espaço para a cyber-socialização utilizado tanto por adultos quanto por adolescentes em suas relações sociais. Estes avanços levaram ao surgimento de fenômenos novos, a exemplo o sexting e, consequentemente, o interesse científico se direcionou para eles, devido as consequências legais, de saúde e sociais a que estão associadas. Um dos principais riscos de se envolver em sexting é a possibilidade de que as mensagens ou imagens possam ser transmitidas pelo destinatário podendo ocorrer devido a diferentes motivos, a exemplo de vingança Depressão, ansiedade, suicídio, lesão à intimidade, angústia, corrupção de menores, sextorsão (chantagem ou extorsão), cyberbullying, dentre outros distúrbios são possíveis consequências do sexting ou seja, danos e riscos psicológicos, físicos e sociais estão relacionados ao fenômeno. Deste modo, faz-se necessário dispor de instrumentos de medidas que permitam sua avaliação. O presente projeto de dissertação trata-se de um estudo correlacional, ex post facto, de cunho psicométrico, que objetiva avaliar as propriedades psicométricas, especificamente, de validade e precisão de algumas das mais usadas medidas de sexting: (a) Sexting Behaviors (b) Sexting Attitude Scale e (c) Sexting Motivations Questionnaire. Para tanto realizar-se-á dois estudos, o Estudo 1, intitulado “Análise fatorial exploratória”, objetiva-se investigar evidências psicométricas preliminares, através de análises exploratórias. Já no Estudo 2, com título “Comprovando as estruturas das medidas”, se pretende comprovar as estruturas das medidas utilizando-se de análises confirmatórias. No total, espera-se contar com uma amostra, da população geral, não probabilística (acidental) de 400 pessoas (N1 = 200 e N2 = 200) maiores de 18 anos, na medida do possível buscar-se equidade entre o sexo dos participantes. A coleta dos dados será realizada em ambiente virtual, a partir do compartilhamento do link da pesquisa nas redes sociais (Facebook, Instagram e WhatsApp), após a participação será solicitado a divulgação para os contatos dos participantes (efeito bola de neve). Antes de iniciar a sua participação, a todos será solicitado a leitura do TCLE, que após lido deverá indicar o consentimento para a efetivação da participação, estima-se que 20 minutos serão necessários para finalizar o preenchimento dos instrumentos.   


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2730053 - EMERSON DIOGENES DE MEDEIROS
Externo à Instituição - LUCIANA MARIA MAIA VIANA - UNIFOR
Interno - 1867530 - SANDRA ELISA DE ASSIS FREIRE
Notícia cadastrada em: 06/12/2017 19:53
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 25/09/2022 23:41