Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: JOSÉ VICTOR DE OLIVEIRA SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSÉ VICTOR DE OLIVEIRA SANTOS
DATA: 28/11/2019
HORA: 15:30
LOCAL: Sala de Aula do Mestrado
TÍTULO: Representações sociais do envelhecimento masculino, idoso gay e homofobia entre gays idosos
PALAVRAS-CHAVES: Envelhecimento masculino; idoso gay; homofobia; Representações sociais.
PÁGINAS: 65
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Psicologia
RESUMO:

Mesmo diante da homofobia, tendo em vista que os idosos gays da atualidade vivenciaram a ditadura militar, este público tem alcançado a velhice. Estudos com idosos gays discutem sobre homofobia internalizada, invisibilidade, solidão, duplo preconceito, dificuldades no acesso à saúde e suporte psicossocial. Não foram encontrados estudos que falem diretamente sobre o envelhecimento de idosos gays. Visto isso, torna-se relevante social e academicamente pesquisar o envelhecimento deste público. O envelhecimento, ser idoso gay e a homofobia são aspectos que permeiam a vida destes idosos, a forma com que eles são experienciados, com seus obstáculos, superações e vivências, motivou a condução de um estudo com idosos gays cuja análise se embasa no paradigma das representações sociais. Objetivos:Objetivo geral: Apreender e analisar as representações sociais de idosos gays acerca do envelhecimento masculino, idoso gay e homofobia. Objetivos específicos: Identificar as representações sociais do envelhecimento entre idosos gays; apreender o conhecimento compartilhado sobre idoso gay; compreender as representações sociais da homofobia entre gays idosos; apresentar a estruturação das representações sociais do envelhecimento masculino, idoso gay e homofobia. Método:Tipo do estudo: Trata-se de uma pesquisa qualitativa, descritiva-exploratória de corte transversal, de forma que a amostra será não-probabilística e por conveniência. Participantes: Os critérios de inclusão para participar do estudo são: apresentar idade igual ou superior a 60 anos, ser homem gay e aceitar participar de forma voluntária e anônima da pesquisa mediante assinatura dos Termos de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). O estudo está em fase de coleta de dados. Até o presente momento, participaram 20 homens gays idosos com idades entre 60 e 75 anos, média de 63,25 (DP=3,58). Instrumento: Perguntas sociodemográficas, relacionadas à idade, religiosidade, renda, atividade laboral, contato familiar, estado civil e se possui filhos. A Técnica de Associação Livre de Palavras (TALP), com três estímulos indutores: “Envelhecimento masculino”, “idoso gay” e “homofobia”. Além disso, será utilizada uma entrevista semiestruturada, com questões norteadoras sobre o envelhecimento, idoso gay e homofobia. Procedimentos éticos e de coleta de dados: A presente pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética e Pesquisa da Universidade Federal do Piauí, com o CAEE: 57225916.1.0000.5214, que seguiu os aspectos éticos das resoluções do CNS MS nº 466/12 e nº 510/16. Com isto, iniciou-se o recrutamento dos participantes, mediante um contato inicial com os idosos gays nas redes sociais, que possuem grupos e páginas voltadas ao público LGBT, com isso, eles foram convidados para participar do estudo, em que se apresentou o TCLE e os objetivos da pesquisa. Com o aceite, é combinado o dia e o horário para os participantes serem entrevistados, que ocorre presencialmente ou virtualmente a depender da distância e disponibilidade do participante. Primeiro são coletados os dados sociodemográficos, em seguida a TALP e por último a entrevista semiestruturada. Toda a entrevista é gravada mediante aceitação dos participantes. Análise de dados: Estatísticas descritivas para os dados sociodemográficos no programa SPSS 23. Para as palavras da TALP, a análise prototípica no programa IRAMUTEQ. E a entrevista semiestruturada também no IRAMUTEQ, com a Classificação Hierárquica Descendente.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1859186 - FAUSTON NEGREIROS
Externo à Instituição - LUANA ELAYNE CUNHA DE SOUZA - UNIFOR
Presidente - 1551072 - LUDGLEYDSON FERNANDES DE ARAUJO
Notícia cadastrada em: 13/11/2019 16:45
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 06/10/2022 20:45