Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: CLEBSON LUSTOSA BRANDAO LIMA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CLEBSON LUSTOSA BRANDAO LIMA
DATA: 30/08/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Sala virtual (on-line)
TÍTULO: REGIONALIZAÇÃO MIDIÁTICA E RELIGIOSIDADE: reflexões sobre a cobertura jornalística do portal piauiense Cidade Verde acerca das práticas de umbanda no estado
PALAVRAS-CHAVES: Jornalismo. Mídia. Portal Cidade Verde. Regionalismo. Umbanda.
PÁGINAS: 82
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Comunicação
RESUMO:

Esta dissertação, refere-se à regionalização midiática no webjornalismo e a
importância que a mesma dá ao noticiamento da umbanda. Assim, o objetivo geral deste
estudo corresponde a entender como o portal Cidade Verde compreende a religião
umbanda considerando as propostas de cobertura regional do referido portal e os
objetivos específicos dispõe-se à analisar a linha editorial do portal Cidade Verde em

relação cobertura regional da umbanda, identificar datas e fatos relacionados ao
noticiamento acerca da umbanda no portal Cidade Verde, listar os critérios de
noticiabilidade usados pelo portal Cidade Verde na cobertura regional das práticas de
umbanda no Piauí e estabelecer relações entre as notícias publicadas no portal Cidade
Verde sobre a umbanda com datas específicas da referida religião. O trabalho conta,
ainda, com hipóteses relacionadas à: H1- O portal Cidade Verde não prioriza coberturas
jornalísticas acerca de práticas da umbanda por não entenderem a importância da
cobertura regional para grupos marginalizados; H2- Os critérios de noticiabilidade
considerados pelo portal na cobertura jornalística acerca das práticas da umbanda no
Piauí não são bem definidos; H3- Não existe uma relação proposta pela cobertura
regional do referido portal e a veiculação de notícias/reportagens sobre umbanda no
Piauí, uma vez que a própria regionalização acontece mais no discurso do que na prática
e são poucas as vezes que a religião é noticiada e H4 - Na maioria das vezes, a umbanda
é noticiada no portal no período de datas que marcam a religião. Ou, ainda, quando é
registrado algum acontecimento violento como, por exemplo, crimes de preconceito
e/ou agressão aos umbandistas. Assim, na tentativa de efetivar práxis escolheu-se como
procedimentos metodológicos uma abordagem qualitativa e quantitativa alicerçada nas
pesquisas bibliográfica, de campo, exploratória, explicativa e descritiva tendo como
técnica de coleta de dados a entrevista estruturada aberta e análise de conteúdo. O lócus
da investigação será o editor-chefe e/ou diretor de jornalismo do portal Cidade Verde e
a análise de conteúdo recairá sobre à cobertura regional de matérias sobre a umbanda
publicadas no portal Cidade Verde entre os anos de 2018 e 2019. Os estudiosos que
embasam esta pesquisa são Moraes, G., (2016), Scholte (2002; 2005; 2007), Erbolato
(2002), Traquina (2008; 2002; 2001), Santos (2001; 2013), Teixeira Filho e Azevedo
Júnior (2020), Gasparetto (2010), Lima, S. (2017), Silva, W. (2018), Wolton (2012),
Ferrari (2004), Palacios (2002) e entre outros.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2573386 - CRISTIANE PORTELA DE CARVALHO
Externo à Instituição - MARIA ERICA DE OLIVEIRA LIMA - UFC
Presidente - 1457025 - SAMANTHA VIANA CASTELO BRANCO ROCHA CARVALHO
Notícia cadastrada em: 08/08/2022 09:10
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 08/12/2022 04:08