Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: IVONE FREIRES DE OLIVEIRA COSTA NUNES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IVONE FREIRES DE OLIVEIRA COSTA NUNES
DATA: 09/01/2020
HORA: 11:00
LOCAL: PPGAN - SG11
TÍTULO: ESTADO NUTRICIONAL GLOBAL DA PESSOA IDOSA: ASSOCIAÇÃO COM FATORES SOCIODEMOGRÁFICOS, STATUS DE VITAMINA D, HIPERTENSÃO ARTERIAL E POLIMORFISMOS GENÉTICOS
PALAVRAS-CHAVES: Antropometria. Sistema renina angiotensina aldosterona. Variantes genéticas.
PÁGINAS: 186
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Nutrição
RESUMO:

v>

INTRODUÇÃO: o envelhecimento é um processo natural, comumente acompanhado
por modificações antropométricas e alterações no sistema digestório, que se
interrelacionam com fatores ambientais, sociais, demográficos, comportamentais,
clínicos e genéticos. Vale enfatizar que em idosos é elevada a prevalência de
hipertensão arterial e de hipovitaminose D, que também pode ser influenciada por
variantes genéticas, como a inserção/deleção (INDEL) da enzima conversora de
angiotensina (ECA) e polimorfismos de nucleotídeo único da enzima aldosterona
sintase (CYP11B2-C344T) e do receptor da vitamina D (FokI e BsmI), por interferirem
nos marcadores antropométricos, bioquímicos e de consumo alimentar. OBJETIVOS:
avaliar o estado nutricional global e sua associação com determinantes biossociais,
com o status de vitamina D, com a prevalência de hipertensão arterial e com os
polimorfismos genéticos supramencionados. MÉTODOS: estudo realizado com 173
idosos de Teresina, Piauí, Brasil, cuja caracterização sociodemográfica, de saúde e
hábitos de vida ocorreu por entrevista. Para avaliar o estado nutricional global (ENG),
usou-se simultaneamente, o índice de massa corporal, a prega cutânea tricipital e a
circunferência muscular do braço, obtendo a classificação adequado quando as três
variáveis antropométricas eram eutróficas. A 25-hidroxivitamina D [25(OH)D] foi
dosada por quimiluminescência e a vitamina D dietética foi avaliada pelo questionário
de frequência alimentar semiquantitativo. Os idosos foram classificados como
hipertensos, segundo o diagnóstico médico e uso de drogas anti-hipertensivas. A
genotipagem do INDEL da ECA ocorreu por reação em cadeia da polimerase
convencional e as outras três variações genéticas, pela técnica do polimorfismo de
comprimento de fragmentos de restrição. RESULTADOS: A amostra foi constituída
por 118 (68,2%) mulheres e 55 (31,8%) homens, com idade variando de 60 a 90 anos;
a maioria tinha estado nutricional global inadequado (n=118; 68,2%). E mais da
metade da amostra tinha hipertensão arterial (55,4%). Verificou-se hipovitaminose D
em 66,5% dos participantes e ingestão insuficiente de vitamina D em 96% dos idosos.
Para além disso, houve associação estatisticamente significativa entre ENG e as
variáveis, estado civil, hipertensão arterial e status de 25(OH)D. Com relação aos
genótipos, observou-se as seguintes proporções no INDEL da ECA, ID (53,8%) > DD11
(26,6%) > II (19,6%); CYP11B2 -C344T, TC (45,1%) > TT (43,4%) > CC (11,6%); FokI,
FF (46,2%) > Ff (45,7%) >ff (8,1%); BsmI, Bb (54,9%) > bb (25,4%) > BB (19,7%). Os
resultados da regressão múltipla mostraram que idosos sem companheiro e com
hipovitaminose D tiveram mais chance de estado nutricional inadequado. As pessoas
idosas com genótipos ff do FokI e II do INDEL ECA tiveram menor chance de estado
nutricional inadequado. A 25(OH)D mostrou associação estatisticamente significativa
com os genótipos Ff, BB e CC. Enquanto, que a hipertensão arterial foi associada com
os genótipos ID, Ff e Bb. CONCLUSÃO: os idosos tiveram insegurança social,
alimentar e nutricional, com o agravante da associação com os polimorfismos
estudados nesta pesquisa. Assim, ressalta-se a importância desse estudo, com foco
na saúde e nutrição, por analisar o estado nutricional, unindo vários indicadores,
minimizando erros advindos de indicadores isolados, considerando-se a
complexidade do cenário do envelhecer e a escassez de dados na litaratura.

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1167579 - CECILIA MARIA RESENDE GONCALVES DE CARVALHO
Notícia cadastrada em: 09/01/2020 09:46
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 13/08/2020 02:27