Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: IZABEL CRISTINA VERAS SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IZABEL CRISTINA VERAS SILVA
DATA: 17/01/2020
HORA: 14:00
LOCAL: PPGAN - SG11
TÍTULO: Potencial tecnológico, nutricional e bioativo de feijão-caupi e sua aplicabilidade na indústria alimentícia
PALAVRAS-CHAVES: Vigna unguiculata, descorticação, cotilédones,. farinha, extrusão, snacks
PÁGINAS: 172
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Ciência e Tecnologia de Alimentos
RESUMO:
SILVA, I. C. V. Potencial tecnológico, nutricional e bioativo de feijão-caupi e sua
aplicabilidade na indústria alimentícia. 2020. 172 f. Tese (Doutorado) - Programa de Pós
Graduação em Alimentos e Nutrição, Universidade Federal do Piauí, Teresina, PI.
RESUMO - O feijão-caupi é uma leguminosa que apresenta diversas vantagens agronômicas,
grande variabilidade genética, excelente adaptabilidade e alto valor nutritivo. Seus grãos são
ricos em proteínas, aminoácidos, fibras alimentares, vitaminas, minerais e compostos
bioativos. Este trabalho teve como objetivo selecionar uma cultivar de feijão-caupi com
melhores características em rendimento de cotilédones, bons atributos nutricionais,
tecnológicos, físico-químicos e bioativos, como matéria-prima para o desenvolvimento de
novos produtos alimentícios. Foram avaliadas 12 cultivares de feijão-caupi quanto à
composição centesimal, mineral e rendimento em cotilédones, utilizando-se o processo
mecânico de remoção do tegumento (descorticação). O feijão-caupi cv. BRS Tumucumaque,
por apresentar os melhores atributos acima, foi selecionada, seus cotilédones foram
transformados em farinha e, posteriormente, submetida ao processo de extrusão em
equipamento de dupla rosca, utilizando-se o Delineamento Box-Behnken com três variáveis
independentes: temperatura de extrusão (100, 120 e 140ºC), umidade de alimentação (12, 14 e
16%) e velocidade de rotação das roscas (300, 500 e 700 rpm). Estudou-se o efeito dos
parâmetros de extrusão sobre as propriedades físico-funcionais índice de expansão radial,
índice de expansão longitudinal, índice de expansão volumétrica, índice de solubilidade em
água, índice de absorção de água e textura instrumental. A matéria prima e os produtos
extrusados foram analisados quanto à composição centesimal, fibra alimentar, minerais, perfil
de aminoácidos, compostos bioativos e fatores antinutricionais. O processo de secagem do
grão, após a colheita, determina um comportamento diferencial das cultivares em função das
condições de umidade do grão, podendo aumentar, diminuir ou manter os teores de nutrientes
no grão. A cv. BRS Tumucumaque é adequada para o processo de descorticação mecânica por
comporta-se entre as melhores quanto ao rendimento em cotilédones e atributos nutrucionais.
As farinhas desenvolvidas apresentaram boas propriedades físico, químico, tecnológico e
funcional. A temperatura de extrusão e a umidade de alimentação tiveram o efeito mais
pronunciado sobre as propriedades físico-funcionais dos extrusados avaliados. O aumento da
temperatura de extrusão e a diminuição da umidade de alimentação aumentam a textura
instrumental. O processo de extrusão não afetou significativamente a composição centesimal
dos extrusados em relação à farinha de cotilédones, que tiveram como principais minerais
ferro, zinco, manganês, fósforo e potássio, entretanto, o perfil de aminoácidos mostrou-se
inferior aos padrões de referência, teores esses menores quando comparados com padrões
nutricionais recomendados pela FAO, menores teores de compostos bioativos e atividade
antioxidante, e redução dos fatores antinutricionais. Os resultados indicam que o feijão-caupi
cv. BRS Tumucumaque possui atributos desejáveis no desenvolvimento de snacks com boas
características nutricionais, sendo uma boa alternativa na produção e melhoria da qualidade
nutricional desse tipo de produto.

MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 028.061.464-02 - ALESSANDRO DE LIMA - IFPI
Externo à Instituição - CARLOS WANDERLEI PILER DE CARVALHO - EMBRAPA
Interno - 879.350.829-87 - JORGE MINORU HASHIMOTO - EMBRAPA
Presidente - 844.774.313-68 - KAESEL JACKSON DAMASCENO E SILVA - EMBRAPA
Interno - 1642393 - KAROLINE DE MACEDO GONCALVES FROTA
Externo à Instituição - MARCIO SCHMIELE - UFVJM
Interno - 1167746 - REGILDA SARAIVA DOS REIS MOREIRA ARAUJO
Interno - 927.639.283-15 - ROBSON ALVES DA SILVA - IFPI
Notícia cadastrada em: 17/01/2020 11:20
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 22/02/2020 07:39