Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MONICA CRISTIANE SOARES MENDES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MONICA CRISTIANE SOARES MENDES
DATA: 19/06/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Núcleo de Tecnologia Farmacêutica
TÍTULO:

Delineamento de um fitomedicamento a partir de 1,3-diestearil-2-oleil-glicerol isolado de Platonia insignus Mart: avaliação da atividade cicatrizante.


PALAVRAS-CHAVES:

Cicatrização, Formulação farmacêutica semissólida, Platonia insignis Mart.


PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Farmácia
SUBÁREA: Análise e Controle de Medicamentos
RESUMO:

O uso de plantas medicinais para fins terapêuticos e sua utilização em formas farmacêuticas que dão origem a medicamentos, nutracêuticos e cosméticos, é uma prática antiga e vem, aumentando progressivamente.Pode ser destacada, dentro da fica flora brasileira, a espécie Platonia insignis Mart., conhecida como bacurizeiro. A partir do extrato hexânico de suas sementes foi isolado o composto 1,3-diestearil-2-oleil-glicerol, também denominado de TG1, que corresponde a um triglicerídeo cuja fórmula molecular é C58H112O6. É um derivado da trioleína, solúvel em solventes apolares, com peso molecular 856g/mol. Nesse estudo, buscou-se o delineamento de um fitomedicamento a partir do TG1, em forma farmacêutica semissólida. A dissertação foi dividida em 3 capítulos, com o objetivo de tornar mais fácil sua compreensão e apresentação dos resultados. No primeiro capítulo foi realizado um levantamento bibliográfico sobre os desafios na pesquisa e desenvolvimento (P&D) de medicamentos, destacando-se as formas farmacêuticas semissólidas e a necessidade dos teste de estabilidade para garantir a eficácia e seguraça dos fitocosméticos. O segundo capítulo trata da caracterização, quanto a parâmetros organolépticos e fisico-química quando submetida ao teste de centrífuga. O terceiro capítulo demonstra a avaliação da atividade antimicrobiana do TG1, através da determinação da sua concentração inibitória. Os resultados apontaram fraca atividade antimicrobiana, frente aos controles positivos utilizados. Diante da ultilização popular do óleo das sementes do bacurí e dos resultados previamente obtidos será avaliada a atividade cicatrizante do creme obtido a partir de TG1, por meio de análise macroscópica e histológica das feridas dos ratos. Dessa forma, o creme desenvolvido a partir do TG1 apresentou características físico-químicas que sugerem sua estabilidade e segurança e seu estudo farmacológico avaliará sua possível atividade cicatrizante, possibilitando o desenvolvimento posterior de fitoterápicos para tratamento de feridas na população.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1551616 - CHISTIANE MENDES FEITOSA
Interno - 1549662 - HERCILIA MARIA LINS ROLIM SANTOS
Interno - 1512631 - LIVIO CESAR CUNHA NUNES
Presidente - 1638285 - RIVELILSON MENDES DE FREITAS
Notícia cadastrada em: 17/05/2013 11:45
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.instancia1 17/09/2019 07:59