Últimas Notícias
Banca de DEFESA: GRACIELE BARROSO
Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GRACIELE BARROSO
DATA: 24/05/2024
HORA: 08:30
LOCAL: Auditório da Pós-Graduação do Tropen
TÍTULO: JUVENTUDE RURAL DO SEMIÁRIDO E MONITORAMENTO SOCIAL DA AGENDA 2030: MEDIAÇÃO DO NESTANTE
PALAVRAS-CHAVES: Objetivos de Desenvolvimento Sustentável; comunicação participativa; conectividade digital significativa; sustentabilidade da agricultura familiar; monitoramento social
PÁGINAS: 121
GRANDE ÁREA: Outra(s)
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A Agenda 2030 foi definida com a perspectiva de garantir o desenvolvimento sustentável, de forma inclusiva, com justiça social e a promessa de não deixar ninguém para trás. As populações rurais do semiárido brasileiro, historicamente, vêm sendo excluídas de diversas políticas públicas e têm baixos indicadores de qualidade de vida, como acesso deficiente à educação, renda e lazer. A motivação deste estudo encontra-se conectada com o entendimento de que o alcance da Agenda 2030 pode contribuir para melhoria da qualidade de vida das populações rurais e que o acesso à informação se torna essencial para a assimilação e apropriação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Também, tem-se a compreensão de que as comunidades rurais podem contribuir com os objetivos definidos na Agenda 2030. Com a presente pesquisa, avalia-se como os ODS são vivenciados por residentes das zonas rural e urbana do Semiárido piauiense, com a perspectiva de melhoria da qualidade de vida no meio rural e nas periferias das cidades, a partir da mediação do Nestante, mídia digital criada pelo Instituto Ubíqua, destinada a promover a comunicação participativa e gestão do conhecimento. Assim, os ODS foram adotados como categorias para as postagens no Nestante, com a proposta de mediar o monitoramento social da Agenda, baseado na percepção dos participantes. Para contextualização teórica, foram contemplados temas como: agricultura familiar, desenvolvimento sustentável, Agenda 2030, comunicação participativa, conectividade digital significativa e monitoramento social. O percurso metodológico contempla uma pesquisa exploratória, do tipo qualitativa, tendo como métodos de coleta de dados a observação das postagens e entrevista semiestruturada com participantes do Nestante de comunidades rurais e urbanas. Os territórios de desenvolvimento Serra da Capivara, Vale do Guaribas, Vale do Canindé, Sambito e Vale do Rio Itaim compõem o recorte espacial da pesquisa. Os resultados mostram que o Nestante contribui com o monitoramento social dos ODS, dentro do escopo de um sistema paralelo, simples e voluntário, com informações suplementares e úteis para contextualizar os ODS e metas. A metodologia e o formato buscam rumos de inovação e estão pertinentes para escalonamento e replicação em diferentes contextos. Constatou-se a necessidade de enfatizar a conectividade digital significativa para que as comunidades avancem na autonomia e bem-viver e do envolvimento de tomadores de decisão na apropriação das informações geradas pelos cidadãos para compor o planejamento e implementação dos ODS. Também são pertinentes formações em sustentabilidade e ODS, com a finalidade de alinhar conhecimentos tradicionais e científicos, para que a geração de dados possa ser mais qualificada e participativa, como prevê a Ciência Cidadã. Foram identificadas diferentes ações dos participantes e suas comunidades em prol dos ODS, boas práticas que podem ser assimiladas e inspirar outros locais na busca por um mundo inclusivo, justo e resiliente. Nesse sentido, chegou-se à tese que o Nestante, criado em colaboração com jovens rurais do Semiárido piauiense, é um instrumento viável de mediação do monitoramento social dos ODS, uma vez que é acessível, participativo e colabora para a compreensão dos ODS, dado que operacionaliza seus conceitos ao tratar dos temas cotidianos dos participantes.       


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423289 - JOAO BATISTA LOPES
Interno - 1760027 - MARCOS ANTONIO TAVARES LIRA
Interno - 1354664 - WILZA GOMES REIS LOPES
Externo ao Programa - 1457025 - SAMANTHA VIANA CASTELO BRANCO ROCHA CARVALHO
Externo à Instituição - ANDREA PINHEIRO PAIVA CAVALCANTE - UFC
Externo à Instituição - MARTA CELINA LINHARES SALES - UFC
Externo à Instituição - FÁBIO JOSÉ VIEIRA - UESPI

Cadastrada em: 17/05/2024
Mais Notícias
Processos Seletivos Veja abaixo os processos seletivos disponíveis para nosso Programa de Pós-Graduação.
Calendário Fique por dentro dos eventos relacionados ao nosso Programa de Pós-Graduação.
  • 06/03/2024 - 08/03/2024 · Matrícula para o período 2024.1.
  • 18/03/2024 · Início do período letivo 2024.1.
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 28/05/2024 05:32