Notícias

Banca de DEFESA: JOSÉ FÁBIO FERREIRA DE SOUZA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSÉ FÁBIO FERREIRA DE SOUZA
DATA: 22/02/2024
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório do Núcleo da Pós-graduação do Centro de Ciências Agrárias-CCA/UFPI
TÍTULO: Novos agentes etiológicos de podridão de frutos e morte descendente em cupuaçuzeiro e jaqueira.
PALAVRAS-CHAVES: Botriopheraceae; podridão pós colheita; fruticultura; Taxonomia de fungos;
PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

Na cultura do cupuaçuzeiro e jaqueira observou sintomsa de seca dos ponteiros e podridão de frutos em area de cultivo dos estados do Acre, Piauí e Ceara. Estes sintomas são tipicos de fungos da familia Botryospheraceae, fungos desta família induz doenças como seca dos ponteiros, resinose e podridão de frutos de várias espécies arboreas. Dentre estes gêneros merece destacar espécies de Lasiodiplodia. Morfologicamente, não é possivel descriminar as especies de Lasiodiploodia, devido as especies do gênero compartilhar marcadores morfológicos semelhantes, muitos dos relatos de doenças associado a Lasiodiplodia no Brasil, são falhos, devido os pesquisadores utilizar a identificação utilizando apenas a caracterização morfológica, sendo assim é necessário o uso de ferramentas de biologia molecular, atraves do sequenciamento de DNA e análise filogenética. No Brasil, em vários patossitemas como a seca da mangueira, cajueiro e podridão em frutos de coqueiro, estudos com aplicação de sequenciamento de DNA, tem revelado que associado a estes patossitemas existem várias espécies, associado ao mesmo sintoma da doença. Sendo assim, aplicando o conceito morfologico, teste de patogenicidade, nas plantas de cupuaçuziero e jaqueira foi identificado uma coleção de isolados. Baseado neste estudo foram idnetificados Lasiodiplodia venezuelensis causando seca dos ponteiros em cupuaçuzeiro, Lasiodiplodia theobromae e Lasiodiplodia brasiliensis causando seca dos ponteiros e podridão em frutos de jaqueira. Ambos as espécies identificadas trata-se do primeiro registro nos respectivos hospedeiros. Este estudo, é importante na tomada de decisão de manejo da doença, assim como no auxilio em programa de melhoramento genético.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1553560 - FRANCISCO DE ALCANTARA NETO
Externo à Instituição - FRANCISCO JOSÉ TEIXEIRA GONÇALVES - IFMA
Interno - 2058623 - JOSE EVANDO AGUIAR BESERRA JUNIOR
Presidente - 1426957 - MARUZANETE PEREIRA DE MELO
Notícia cadastrada em: 02/02/2024 14:19
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 16/06/2024 02:06