Notícias

Banca de DEFESA: JESSIVAN COSTA DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JESSIVAN COSTA DOS SANTOS
DATA: 26/03/2024
HORA: 14:00
LOCAL: NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO/CCA
TÍTULO: Aspectos Bioecológicos do Ácaro Oligonychus gossypii (Zacher, 1920) (Acari: Tetranychidae) associado à Sabiá (Mimosa caesalpiniifolia Benth) e seu controle cm extratos de plantas
PALAVRAS-CHAVES: Ácaros. Mimosa caesalpiniifolia. Oligonychus gossypii. Tabela de vida. Toxicidade
PÁGINAS: 78
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

Ácaros Tetranychidae têm despertado a atenção por provocar elevados níveis de danos em diversas plantas hospedeiras. Os objetivos deste trabalho foram identificar e registrar ácaros associados a Mimosa caesalpiniifolia, estudar e conhecer os parâmetros bioecológicos e avaliar a toxicidade dos extratos aquosos de Moringa oleifera e Gliricidia sepium em diferentes concentrações no controle de ácaros fitófagos. Folíolos de M. caesalpiniifolia foram coletados de plantas que ocorrem no Centro de Ciências Agrárias, do Campus Ministro Petrônio Portella, da Universidade Federal do Piauí, na cidade de Teresina/PI, no mês de setembro de 2022. Foram amostrados 120 folíolos por terço de 10 plantas. Constatou-se a presença de ácaros em diferentes fases de desenvolvimento na face adaxial dos folíolos. Os ácaros adultos foram montados em lâminas de microscopia em meio Hoyer para identificação taxonômica. Utilizou-se o software AFsoft - Embrapa para determinar a área foliar dos folíolos. Estimou-se a intensidade de injúrias do ácaro nos folíolos através de notas visuais. O ácaro foi identificado como Oligonychus gossypii. A densidade média de ácaros foi de 0,63 por cm². A nota média de injúria foi 2,43, representando de 1 a 20% de injúrias na superfície adaxial do folíolo. Este é o primeiro registro de ocorrência do ácaro O. gossypii em M. caesalpiniifolia. Os parâmetros bioecológicos do ácaro O. gossypii em M. caesalpiniifolia foram determinados avaliando o tempo de desenvolvimento, sobrevivência, longevidade, fecundidade e parâmetros de tabela de vida. Para a determinação dos parâmetros biológicos, as avaliações foram feitas duas vezes ao dia nas fases imaturas e uma vez na fase adulta. Os parâmetros reprodutivos do O. gossypii foram avaliados nos períodos de pré-oviposição, oviposição e pós-oviposição, determinando o índice de oviposição e longevidade de machos e fêmeas. O ciclo de vida das fêmeas foi de 12,13 dias e dos machos 12,08 dias. A razão sexual foi de 0,93 e a longevidade para fêmeas e machos foi de 13,97 e 11,50 dias, respectivamente. A fecundidade foi de 21,91 ovos por fêmea. A taxa líquida de reprodução foi de 20,38; duração média de uma geração foi de 20,74 dias; taxa intrínseca de crescimento foi de 0,14 fêmea por fêmea por dia; razão finita de aumento:1,15 fêmea por fêmea; e tempo para dobrar uma população de 4,77 dias, sugerindo alto potencial reprodutivo e de desenvolvimento do ácaro O. gossypii em M. caesalpiniifolia. Para a avaliação da toxicidade sobre fêmeas adultas de O. gossypii, utilizou-se folíolos de M. caesalpiniifolia, pulverizando-os com 0,10 mL/cm2 das soluções com diferentes concentrações. A mortalidade foi avaliada após 1h, 3h, 6h, 12h e 48h para obtenção de concentrações letais (CL50 e CL95), bem como foi calculada a razão de toxicidade. O extrato de M. oleifera apresentou CL50 a 5,43% de concentração da solução (IC95%), com mortalidade média de 70% quando aplicada 7,5% de concentração da solução. A toxicidade do extrato de G. sepium atingiu a CL50 com 7,42% de concentração (IC95%), com mortalidade média de 96% ao aplicar 14,5%. Os extratos testados apresentaram toxicidade sobre O. gossypii em folíolos de M. caesalpiniifolia, demonstrando potencial acaricida

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 011.018.573-07 - DOUGLAS RAFAEL E SILVA BARBOSA - IFMA
Externo à Instituição - JOSÉ CLÁUDIO BARROS FERRAZ - IFPI
Presidente - 1167867 - PAULO ROBERTO RAMALHO SILVA
Externo à Instituição - ROSENYA MICHELY CINTRA FILGUEIRAS - IFPI
Notícia cadastrada em: 14/03/2024 17:33
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 16/06/2024 02:18