Notícias

Banca de DEFESA: GISLANE DA CONCEICAO LIMA CAMELO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GISLANE DA CONCEICAO LIMA CAMELO
DATA: 10/03/2016
HORA: 08:30
LOCAL: SALA 458 DCS- CCE UFPI
TÍTULO:

Regionalização da mídia piauiense: um olhar sobre os programas especiais da TV Cidade Verde


PALAVRAS-CHAVES:

Regionalização. Televisão brasileira. Piauí – Televisão. TV Regional. TV Cidade Verde (Teresina – Piauí).

 


PÁGINAS: 165
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Comunicação
SUBÁREA: Teoria da Comunicação
RESUMO:

O processo de globalização da comunicação faz surgir novos fluxos de informação e espaços de interação, não mais apenas ligados ao espaço físico comum, mas redimensionados pelas tecnologias e com impactos nas configurações das relações humanas. Ocorre, assim, o intercâmbio de conteúdos simbólicos das mais variadas regiões, contribuindo para a construção de hibridismos sociais e para a sedimentação da sociedade em rede. Paralelamente ao movimento dos fluxos mundiais de informação, observa-se a necessidade de aproximação dos indivíduos com sua própria realidade. O paradoxo dualístico de aspectos globais e regionais no contexto da comunicação abre espaço para o surgimento e / ou fortalecimento de mídias regionais. Nesse cenário, a presente dissertação objetiva analisar a regionalização da TV Cidade Verde, afiliada ao Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), com sede em Teresina, capital do Piauí, Brasil, tendo por base os programas especiais veiculados pela emissora, compreendendo-os como estratégia de regionalização midiática. A partir de então, são objetivos operacionais: (1) estudar o processo de regionalização da mídia, em especial, no cenário nacional; (2) elucidar conceitos ligados aos estudos de regionalização, a exemplo de local, regional e global; (3) compreender como os programas especiais veiculados pela TV Cidade Verde se inserem no processo de regionalização por ela idealizado; (4) identificar as temáticas regionais constantes dos programas especiais da emissora. Para consecução dos objetivos propostos, realiza-se pesquisa de natureza quanti-qualitativa, de cunho exploratório e descritivo, recorrendo-se à pesquisa bibliográfica aliada à pesquisa de campo, momento em que se utilizam a técnica de observação e a entrevista semiestruturada para a coleta de informações. Para a análise dos programas especiais produzidos pela TV Cidade Verde, utiliza-se, ainda, a análise de conteúdo categorial, a partir de pressupostos elencados por Laurence Bardin, autora da referência na área. Os programas especiais abordam questões culturais, econômicas, políticas, dentre outras ligadas ao cenário piauiense, procurando aproximar a emissora do público. Dentre as inferências centrais, destaca-se que a TV Cidade Verde, apesar de demonstrar, empiricamente, interesse na regionalização, ainda não consegue efetivar sua intenção. É possível que esteja percorrendo o caminho da regionalização, mas, ainda, em plano inicial rumo ao que de fato consiste numa TV Regional. Seus programas especiais não tratam do Piauí como um todo quanto ao critério de produção jornalística em confronto à ampla cobertura de sinal que alcança cerca de 80% do Estado do Piauí.  Por exemplo, dentre o total de 224 municípios, percentual ínfimo de 1,78% são contemplados nos quatro programas categorizados como regionais no decorrer de um ano de programação, dos quais dois referem-se à capital Teresina. A justificativa talvez esteja no fator mercadológico aliado às questões operacionais e infraestruturais da emissora, quando estão em jogo as densidades informativa e atrativa para a TV e, principalmente, para o público e anunciantes, o que resulta em perda de audiência e de investidores.

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALISSON DIAS GOMES - FSA
Interno - 423531 - ANA MARIA DA SILVA RODRIGUES
Presidente - 1457025 - SAMANTHA VIANA CASTELO BRANCO ROCHA CARVALHO
Notícia cadastrada em: 29/02/2016 17:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 04/12/2020 20:24