Notícias

Banca de DEFESA: CINTIA LUCAS FREITAS DE LIMA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CINTIA LUCAS FREITAS DE LIMA
DATA: 20/04/2017
HORA: 09:00
LOCAL: SALA 458 DCS- CCE UFPI
TÍTULO: Jornalismo e discursos: As estratégias enunciativas sobre interesse público nos jornais impressos de Teresina
PALAVRAS-CHAVES: Análise de Discursos. Interesse público. Jornais locais. Jornalismo impresso.
PÁGINAS: 218
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Comunicação
RESUMO:

Os jornais Diário do Povo do Piauí, O Dia e Meio Norte são os maiores em termos de circulação no Piauí e dedicam espaço considerável, diariamente, para que os sujeitos sociais se expressem acerca de demandas que envolvem seus interesses. Esses sujeitos usam do espaço privado dos jornais, que é de circulação pública, para construírem estratégia de uso do poder, no sentido do interesse simbólico, de conseguir chegar à sociedade e com isso garantir a legitimidade às suas ideias. Esta pesquisa objetiva analisar, por meio de estudo comparativo, como se dá a constituição dos discursos nas matérias dos cadernos Cidade desses periódicos, publicadas de janeiro a dezembro de 2015, para alcançar a noção de interesse público e dos sentidos que são postos em circulação nesses espaços. O arcabouço teórico-metodológico usado é a Teoria dos Discursos Sociais, fundamentado nos estudos de Pinto (2002) e Verón (2004), que busca compreender como os sentidos são propostos por meio da enunciação para construir estratégias discursivas nos textos jornalísticos; como forma de identificar o cerne do conceito de espaço público, nos estudos de Habermas (2014) sobre a esfera pública partindo de pesquisas sobre a sociedade, a democracia e os meios de comunicação de massa como mediadores dos interesses da sociedade; para a noção de interesse público, o estudo trouxe McQuail (2012), que investiga como a comunicação de massa se utiliza do interesse público; e, ainda, com base nas pesquisas de Abreu (2003), Amaral (2015), Dines (1999), Chaparro (2014) para discutir a relação sociedade e imprensa. Sobre a noção de Opinião Pública, o estudo partiu dos conceitos de Lippmann (2008) e Luhmann (1970) sobre como os fatos chegam à sociedade para a formação de opiniões. Pelas análises realizadas, a pesquisa demonstra que os três jornais possuem noção de interesse público como serviços que servem a todos, sem brechas para disputas ou oportunidades. Porém, essa noção se insere em um ambiente complexo, disputado por interesses de mercado, sociais e outros que vão além desses. 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1167672 - JACQUELINE LIMA DOURADO
Externo à Instituição - MARIA HELENA WEBER - UFRGS
Presidente - 1167703 - PAULO FERNANDO DE CARVALHO LOPES
Notícia cadastrada em: 13/03/2017 16:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 08/08/2022 00:31