Notícias

Banca de DEFESA: THANANDRA PRISCILA DE SOUSA ROCHA FERREIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: THANANDRA PRISCILA DE SOUSA ROCHA FERREIRA
DATA: 31/08/2020
HORA: 10:00
LOCAL: videoconferência
TÍTULO: #KIDFITNESS: OLHAR SOBRE O CORPO DA CRIANÇA
PALAVRAS-CHAVES: Corpo. Crianças. Fitness. Redes Sociais.
PÁGINAS: 150
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Comunicação
RESUMO:

Esta pesquisa teve como propósito central compreender a visibilidade construída pelos corpos da criança através das hashtags (#) kidfitness na rede social Instagram, categorizando os sentidos produzidos por estas postagens, permitindo discutir as relações entre imagens e textos. Traçando uma definição sobre as características desta pesquisa, ela constituiu-se de natureza empírica, de abordagem qualitativa com caráter descritiva analítica, utilizando a Análise de Conteúdo Categorial, desta forma, foi analisado o conteúdo textual (legenda e hashtags) e imagético (foto) auxiliado pelo software Iramuteq. O corpus foi composto por 24 postagens que permitiram a construção de duas categorias de análise: Consumo Cultural composta de 14 postagens, sendo 9 crianças do gênero feminino e 5 do gênero masculino, gerando através das hashtags os sentidos: Crianças e boa forma, Empoderamento feminino pelo corpo ou modalidade, Empresas, marcas e produtos, Estilo de vida fitness e modalidade praticada, Redes sociais e a relação com a boa forma, Relações familiares e boa forma, Resultados do esforço, Vício, motivação ou controle do corpo. E Consumo Material composta por 10 postagens, sendo 10 crianças do gênero feminino gerando através das hashtags os sentidos: Beleza e autoimagem, Criança e boa forma, Empoderamento feminino pelo corpo ou modalidade, Empresas, marcas e produtos, Estilo de vida fitness e modalidade praticada, Redes sociais e a relação com a boa forma, Sucessos, realizações e conquistas e Vício, motivação ou controle do corpo. Identificamos os corpos das crianças visibilizados através de duas perspectivas, a primeira possui forte relação ao modo com que os pais divulgam seus filhos (sharenting), onde os meninos são visibilizados através de um corpo forte e treinamento bestial, reforçando as características de masculinidade, associadas a força e vigor físico; enquanto as meninas são visibilizadas superando as dificuldades e empoderando-se através do fitspro de novas formas de feminilidade; entretanto ambas gêneros aderem ao pensamento de superação para alcançar os resultados físicos mesmo que para isso elas abram mão de momentos de lazer, característicos das infâncias tradicionais. A segunda forma de visibilidade impacta diretamente o gênero feminino onde os corpos são visibilizados como mercadorias de ideais de beleza nos quais diferentes seguimentos (empresas, marcas, produtos, serviços) utilizam-se das postagens destas crianças para alcançarem seus públicos, ao mesmo tempo que incentivam a cultura do consumo as postagens dos corpos destas crianças reforçam padrões de beleza.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 103.160.003-53 - FRANCISCO LAERTE JUVENCIO MAGALHAES - UFPI
Presidente - 1587234 - LIVIA FERNANDA NERY DA SILVA
Externo ao Programa - 423549 - LUIS CARLOS SALES
Notícia cadastrada em: 30/07/2020 16:58
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.instancia1 27/11/2020 20:19