Notícias

Banca de DEFESA: CARLA GABRYELA RESENDE FONSÊCA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CARLA GABRYELA RESENDE FONSÊCA
DATA: 29/07/2022
HORA: 10:00
LOCAL: Sala virtual (on-line)
TÍTULO: CARTOGRAFIA DA PRODUÇÃO DE CONTEÚDO DIGITAL NO INSTAGRAM: notas sobre, subjetividade, mercado e influenciadoras locais piauienses durante a pandemia da Covid-19
PALAVRAS-CHAVES: Influenciadoras digitais locais; Instagram; Subjetividades; Cartografia; Covid-19.
PÁGINAS: 99
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Comunicação
RESUMO:

Desde 2020, vivemos um cenário atípico, em virtude da pandemia (covid-19) que provocou crise
em diversas áreas, desde a saúde pública até a economia mundial. Atividades comerciais, industriais e de
turismo tiveram grandes restrições de funcionamento para frear a velocidade do contágio do coronavírus.
Não é novidade que o meio digital já ganhava força antes da pandemia, todavia a presença online se
intensificou com todos os últimos acontecimentos. Em busca da sobrevivência dos negócios locais, muitas
empresas tiveram que voltar os olhos para o digital, especificamente para as redes sociais. Nesse ponto
entram os agentes de interesse desta pesquisa: influenciadores digitais locais. Acreditamos que, nesse
contexto, tais agentes emergem como importantes aliados, trabalhando com a divulgação dos produtos e
indicando as compras via delivery, por exemplo, visto que os estabelecimentos físicos não podiam funcionar
de portas abertas. Portanto, esta pesquisa se propõe a cartografar modos como influenciadoras locais
piauienses agenciam processos de subjetivação com fins mercadológicos através da produção de conteúdo
digital no Instagram, especialmente no período de pandemia. Para isso, especificamente buscamos 1- mapear
perfis de influenciadoras digitais na região de piripiri/piracuruca, hospedados no instagram; 2- compreender
a atuação dessas figuras no mercado local; 3- identificar rastros de processos de subjetivação na interação
com o conteúdo digital disponibilizado por influenciadoras locais, especialmente no período da pandemia;4-
situar a relação mercadológica agenciada via referentes de subjetivação acionados pelas influenciadoras
digitais. Metodologicamente seguimos a orientação cartográfica como inspiração estratégica para o alcance
dos objetivos deste trabalho, com registros do percurso através da produção de diários cartográficos ao longo
da pesquisa. Percebemos previamente um grande potencial do trabalho de influenciadoras digitais no
fortalecimento do mercado de consumo local. Por meio das ações dessas profissionais foi possível
empreender estratégias como lives shops, demonstração de provadores (em casa), indicações em compras no

modelo delivery e tudo contribuiu para manter as vendas mesmo em cidades pequenas e em um período de
crise generalizada, além de compreender aspectos relacionados à produção de conteúdo e como suas
publicações diárias convergem para alguns efeitos de produção de subjetividades, despertando desejos e
incentivando ações praticadas por seus seguidores.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1167865 - GUSTAVO FORTES SAID
Externo à Instituição - ISSAAF SANTOS KARHAWI - Unisinos
Presidente - 1751868 - MONALISA PONTES XAVIER
Notícia cadastrada em: 30/06/2022 08:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 14/08/2022 22:17