Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: GUSTAVO GEOVANE MARTINS DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GUSTAVO GEOVANE MARTINS DA SILVA
DATA: 27/05/2024
HORA: 14:00
LOCAL: Plataforma Google meet: meet.google.com/scz-kfnr-tqm
TÍTULO: O USO ESTRATÉGICO DAS TDIC A PARTIR DOS JOGOS DIGITAIS NAS AULAS DE GEOGRAFIA: UM RECURSO DIDÁTICO NÃO CONVENCIONAL NO CONTEXTO DA BNCC
PALAVRAS-CHAVES: ensino de Geografia; TDIC; jogos digitais; recurso didático não convencional; BNCC.
PÁGINAS: 72
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
RESUMO:

Em busca de contribuições significativas para o ensino de Geografia, especialmente no que diz respeito à utilização de jogos digitais como recurso didático, esta pesquisa tem como objetivo geral analisar o uso de jogos digitais como recurso didático não convencional para auxiliar na compreensão do ensino geográfico, tendo as Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC) como um meio estratégico para sua viabilidade em sala de aula. Os objetivos específicos são: a) verificar tipos de dispositivos baseados em TDIC para a implementação do uso dos jogos digitais como estratégias de ensino nas aulas de Geografia; b) discutir as possíveis aplicabilidades dos jogos digitais no contexto das orientações da BNCC e do uso das TDICs no ensino de conteúdos geográficos; c) apontar diferentes jogos digitais a serem usados no ensino de conteúdos de Geografia ministrados do 7º ao 8º ano do fundamental na escola básica; d) propor sequências didáticas a serem implementadas em oficinas que versarão sobre o uso do recurso didático não convencional jogos digitais com os professores e estudantes da escola básica. Visando alcançar os objetivos delineados para este estudo, optou-se por uma abordagem qualitativa, especificamente adotando a metodologia de pesquisa-ação. As etapas estão sendo conduzidas através da coleta de fontes e procedimentos, visando a produção de informações pertinentes ao tema em questão. Inicialmente, a fundamentação teórica está sendo embasada em obras de renomados autores, tais como Morais et al. (2018), Castellar e Vilhena (2010), Vasconcellos (1995), Ramos, Knaul e Rocha (2020), Pelizzari et al. (2002), Santana, Fortes e Porto (2016), Stinghen (2016), Kishimoto (2001), Silva (2011), Fiscarelli (2007), Kenski (2003), Monteiro (2000), Moreira e Masini (1982), Luchese (1999; 2011), dentre outros. Quanto ao referencial teórico-metodológico, serão consideradas as contribuições de autores como Marconi e Lakatos (2017), Ludke e André (2013) e Prodanov (2013). Será realizada uma discussão das possibilidades e os caminhos dos jogos digitais viabilizados através do emprego das TDICs no contexto da BNCC, com vistas a uma aprendizagem potencialmente significativa no processo de ensino, favorecendo a efetivação de um ambiente relevante para a aprendizagem. Os jogos digitais são explorados de forma crítica pois propõem ao aluno realizar uma reflexão acerca do conteúdo ensinado, explorando simulações com base na realidade, e propondo a resolução de problemas, como também a interação em ambientes lúdicos. No entanto, para viabilizar o uso dessa ferramenta didática em sala de aula, será necessário atender a uma série de critérios que abrangem, desde a organização e o planejamento, até a disponibilidade de equipamentos adequados. Destarte, a pesquisa será desenvolvida com alunos do 7º ao 8º ano do ensino fundamental, com a colaboração de professores em uma escola pública na cidade de Teresina-PI. Constatou-se que os jogos digitais são de grande relevância no processo de ensino e aprendizagem, e que existe a necessidade de se estudar novos recursos educacionais que sejam condizentes às tendências e transformações de uma sociedade moderna, cada vez mais imersa nas tecnologias. Dessa forma, pode-se considerar de suma importância o uso de diferentes linguagens em sala de aula.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2440142 - BARTIRA ARAUJO DA SILVA VIANA
Interno - 1671765 - ANDREA LOURDES MONTEIRO SCABELLO
Interno - 2280398 - ARMSTRONG MIRANDA EVANGELISTA
Externo à Instituição - DAVID DE ABREU ALVES - UFRR
Notícia cadastrada em: 13/05/2024 08:17
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 24/06/2024 17:27