Notícias

Banca de DEFESA: TATIANE CARVALHO DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: TATIANE CARVALHO DA SILVA
DATA: 17/03/2023
HORA: 10:00
LOCAL: Plataforma Google Meet
TÍTULO: "E quando é noite a Lua nina teresina”: Políticas culturais e produção musical na capital piauiense na década de 1980.
PALAVRAS-CHAVES: História. Música. Teresina. Políticas Culturais.
PÁGINAS: 147
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: História
SUBÁREA: História do Brasil
ESPECIALIDADE: História do Brasil República
RESUMO:

Este trabalho estuda historicamente as políticas públicas de incentivo cultural voltado aos artistas da cidade de Teresina (PI), durante a década de 1980, tomando como pretexto fundamental dois projetos culturais que foram desenvolvidos na cidade: o Projeto Pixinguinha, de nível nacional, organizado pela Fundação Nacional da Arte, e o projeto Torquato Neto, viabilizado da Secretaria de Cultura do Estado do Piauí. Nesse sentido, o trabalho pretende analisar tais projetos e sua interlocução com os artistas piauienses, sobretudo aqueles atuantes no cenário musical da capital. Os sujeitos analisados e suas respectivas produções são aqueles que encontraram em tais políticas de incentivo oportunidades de divulgar-se na cena musical da cidade, tendo em vista, também, as dificuldades de se produzir no interior do Nordeste. Esse estudo tem como principal material empírico como fontes hemerográficas, tais como os jornais de circulação na cidade entre eles o Jornal da Manhã, Jornal O Estado, Jornal O Dia e o Jornal Diário do Povo, bem como aqueles jornais conhecidos como alternativos, entre eles Chapada do Corisco, Toco Cru Pegando Fogo, Sol e O Estado Interessante. Faremos uso de relatos orais, no total de quatro entrevistas, imagens que vão desde as capas dos discos, a cartazes e fotos dos artistas, letras de músicas, principalmente as que fazem parte dos discos vinculados aos projetos, entre elas Teresina, Quintal de Passarinhos, Num-se-pode, Zabelê, bem como se ampara bibliograficamente em produções oriundas tanto da historiografia piauiense, como de suportes teóricos que norteiam a produção dessa pesquisa, tais como Stuart Hall (2006), Nestor Garcia Canclini (1995), Michel de Certeau (2004), Fernando Muratori Costa (2019) e muitos outros. Assim por meio por meio do levantamento e análise dessas fontes pretende-se apresentar a importância que as políticas públicas de incentivo cultural refletiram tanto na música produzida na cidade de Teresina e na vida dos artistas por meio da representatividade de uma canção piauiense produzida a moldes não tão tradicionais assim.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2061327 - FABIO LEONARDO CASTELO BRANCO BRITO
Interno - 2574855 - FREDERICO OSANAN AMORIM LIMA
Externo à Instituição - PAULA MARIA GUERRA TAVARES - UNIPORTO
Notícia cadastrada em: 25/02/2023 14:34
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 29/05/2024 06:36