Notícias

Banca de DEFESA: FRANCISCO RAFAEL CAMPOS DE MACEDO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FRANCISCO RAFAEL CAMPOS DE MACEDO
DATA: 06/07/2018
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório do PPG em Ciência e Engenharia de Materiais
TÍTULO: NITRETAÇÃO A PLASMA COM GAIOLA CATÓDICA DO AÇO INOXIDÁVEL FERRITICO AISI 410S E DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENITICO AISI 304: INVESTIGAÇÃO E ANALISE DOS PARÂMETROS DE TRATAMENTO
PALAVRAS-CHAVES: Nitretação a plasma, Gaiola catódica, Aço inoxidável.
PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
SUBÁREA: Metalurgia de Transformação
ESPECIALIDADE: Conformação Mecânica
RESUMO:

A nitretação por plasma vem sendo utilizada nas aplicações industriais e tecnológicas em larga escala por apresentar uma melhora nas propriedades mecânicas, tribológicas, dentre outras. No presente trabalho, estudou-se superfícies do aço inoxidavel AISI 304 austenítico e 410S ferrítico, modificadas por tratamento de nitretação a plasma através de diferentes configurações de tratamento como nitretação convencional e nitretação com gaiola catódica utilizando a mesma temperatura de 450°C, com o objetivo de obter uma otimização da superfície para aplicações tecnológicas, avaliando de forma geral qual o tratamento mostrou melhores resultados sob o substrato. As amostras foram caracterizadas através das técnicas de ensaios de Microdureza Vickers e pela técnicas de caracterização de Microscopia Óptica (MO), Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Espectroscopia de Energia Dispersiva de raio-X (EDS), Difração de Raios-X (DRX), além de uma análise macroscópica. Desta forma, puderam-se avaliar propriedades do tratamento como topografia, presença de elementos intersticiais, dureza, homogeneidade, uniformidade e espessura da camada nitretada. Observou-se que todas as amostras expostas a nitretação foram modificadas em relação à amostra padrão (sem tratamento), logo, apresentando aumento consideráveis de microdureza e comprovação de espécies e elementos depositados na superfície do aço, presença de Fe3N e Fe4N constatadas tanto por DRX. As medidas das espessuras de camadas seguem um padrão de crescimento, as mesmas crescem à medida que aumenta a temperatura de tratamento e favorecendo implicando no aumento da microdureza do material.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1568901 - HEURISON DE SOUSA E SILVA
Externo à Instituição - JOSE FRANCISCO DOS REIS SOBRINHO - IFPI
Presidente - 1167321 - MARIA RITA DE MORAIS CHAVES SANTOS
Interno - 6276167 - ROMULO RIBEIRO MAGALHÃES DE SOUSA
Externo à Instituição - THÉRCIO HENRIQUE DE CARVALHO COSTA - UFRN
Notícia cadastrada em: 06/07/2018 07:56
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 23/11/2020 16:44