Notícias

Banca de DEFESA: ALAN ÍCARO SOUSA MORAIS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALAN ÍCARO SOUSA MORAIS
DATA: 08/10/2021
HORA: 14:00
LOCAL: via remota
TÍTULO: Desenvolvimento de Biomateriais Esféricos ou filamentosos para Aplicação Biomédica
PALAVRAS-CHAVES: materiais inteligentes, cartilagem, engenharia de tecidos, Terapia fotodinâmica, antibacteriano
PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:

A fabricação de materiais multirespostas, inteligentes, tem sido uma alternativa viável na eficiência em processos de regeneração tecidual. Neste contexto, esta tese apresentará a multifuncionalidade das técnicas de eletropulverização e eletrofiação, ramificações da eletrohidrodinâmica, na fabricação de materiais com propriedades multirespostas para aplicações biomédicas. No Capítulo 1, será apresentado uma revisão bibliográfica sobre as técnicas de eletropulverização e eletrofiação, com enfoque no tema de utilização dessas técnicas na área biomédica. No Capítulo 2, será apresentado uma revisão sobre a fabricação de micropartículas poliméricas por eletropulverização na qual discute detalhadamente todos os parâmetros de fabricação e suas aplicações. No Capitulo 3 micropartículas geradoras de oxigênio compostas de Policaprolactona (PCL), Pluronic F-127 e peróxido de cálcio (CPO)foram fabricadas por Eletropulverização para aplicações na engenharia de tecidos. Os resultados mostram que o material obtido possui morfologia esférica (diâmetro de 17,00 ± 0,34 μm), apresentou no estudo biológico realizado em condrócitos de rato boa viabilidade celular e capacidade em liberar oxigênio de forma sustentada por até 7 dias, assim funcionando como uma ferramenta importante para aplicação em engenharia de tecidos. O Capitulo 4 curativoscicatrizantes antibacterianos fibrosos de Policaprolactona e Pluronic F-127 contendo o corante Azul de Metileno comofotossensibilizador foram fabricados por Eletrofiação para serem aplicadas à terapia fotodinâmica. Os curativos fabricados mostraram ótimos resultados antibacterianos quando aplicado com a terapia fotodinâmica (sob luz visível-660 nm). As membranas contendo o corante Azul de metileno demonstraram notável atividade antibacteriana contra a bactéria Gram-positiva Staphylococcus aureus ATCC 25923 com cerca de 99% de inibição. Sugere-se que esta membrana possa ser utilizada no tratamento de UPD e em outras aplicações em áreas resistentes a infecções bacterianas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1722880 - JOSY ANTEVELI OSAJIMA FURTINI
Interno - 1553988 - EDSON CAVALCANTI DA SILVA FILHO
Interno - 2199134 - MARCILIA PINHEIRO DA COSTA
Interno - 1397472 - ANDERSON DE OLIVEIRA LOBO
Externo à Instituição - JOSE LAMARTINE SOARES SOBRINHO - UFPE
Externo à Instituição - HERNANE DA SILVA BARUD - UNIARA
Externo à Instituição - LUANA MAROTTA REIS DE VASCONCELLOS - UNESP
Notícia cadastrada em: 07/10/2021 07:33
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.instancia1 09/02/2023 02:57