Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: FLORÊNCIO DE SOUSA ALMEIDA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FLORÊNCIO DE SOUSA ALMEIDA
DATA: 30/07/2021
HORA: 18:00
LOCAL: Webconferência
TÍTULO: Obtenção e Caracterização da Blenda Polimérica de Farinha de Mesocarpo com a Goma do Cajueiro
PALAVRAS-CHAVES: amidos naturais, mesocarpo de babaçu, blendas poliméricas.
PÁGINAS: 32
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
SUBÁREA: Materiais Não-Metálicos
ESPECIALIDADE: Materiais Conjugados Não-Metálicos
RESUMO:

Entendendo o potencial de gelificante dos amidos naturais que tem sido aproveitado tanto na alimentação quanto na fabricação de insumos industriais, foi realizado um estudo da obtenção e caracterização de blendas poliméricas a base de amido da farinha de mesocarpo com a goma do cajueiro, tendo em vista as possíveis melhorias físico-química para sua utilização. Para tal estudo, inicialmente, foi realizado uma prospecção dos artigos e patentes a respeito do uso do amido publicados no período de janeiro de 2011 a janeiro de 2021, disponíveis nas bases do periódico capes e englobando diversas bases como Scopus e Web of Science e Bases como INPI e USPTO, trazendo diversas informações sendo sua maior utilização na alimentação humana e de animais a mais importante. Para a avaliação do potencial dessas blendas foi realizada a purificação do mesocarpo de babaçu, tamizado a farinha do mesocarpo de babaçu em malha 0,30mm, adicionado à solução de Na2S2O5 5g/L de 1kg de matéria prima para 2 L de solução para prevenir o escurecimento, filtrado a lavado com NaOH 0,05 mol/L para retirada dos resíduos orgânicos, lavado com álcool etílico e secado em estufa a 45 °C. Para obtenção da goma do cajueiro foi dissolvido o exsudato em água destilada na proporção de 1:10 e colocado a solução sob agitação por 24hs, depois foi filtrado até remover os resíduos, foi transferido para um recipiente que tenha maior exposição ao ar e colocada pra secar em estufa entre 40 a 60 ºC até obter um solido quebradiço. O sólido obtido foi então triturado e por fim passado o pó seco por tamis de 0,30mm, uniformizando o tamanho das partículas da goma que tem coloração marrom. Para o branqueamento foi colocado 10g do amido purificado em 100ml de permanganato de sódio 15%, com pH 11 e foi deixado em repouso por 4hs, com a bomba de vácuo e funil de Büchner foi feito a filtração e centrifugou-se à 4000rpm por 20 minutos para retirar o máximo de amido possível da mistura. Posteriormente secou-se em estufa à 40 °C. Com a obtenção e purificação da goma e da farinha foi feito a mistura dos amidos para formar blendas na proporção 1g de goma para 9g de farinha, com 10g da mistura foi adicionado 100ml e aquecido até alcançar a temperatura de ebulição, depois acrescentar o álcool absoluto para precipitar o amido para a gelificação na proporção 1:1, para a formação do gel foi retirado da blenda 2g de amido para 40ml de água e agitado por 24hs. O estudo constatou que as blendas poliméricas possuem características de gelificação melhoradas constituindo-se em potencias agentes espessantes para as industrias química, farmacêutica, cosmética e, sobretudo, alimentícia.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1553988 - EDSON CAVALCANTI DA SILVA FILHO
Externo ao Programa - 1974744 - FRANCISCO DE TARSO RIBEIRO CASELLI
Interno - 1722880 - JOSY ANTEVELI OSAJIMA FURTINI
Presidente - 1512631 - LIVIO CESAR CUNHA NUNES
Notícia cadastrada em: 14/07/2021 00:11
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.instancia1 22/10/2021 16:36