Notícias

Banca de DEFESA: JOSÉ CARLOS RAPOZO MAZULO NETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSÉ CARLOS RAPOZO MAZULO NETO
DATA: 01/07/2019
HORA: 08:00
LOCAL: SALA DE AULA DO MESTRADO
TÍTULO: AVALIAÇÃO DO EFEITO DE DIFERENTES DOSES DE LASER DE BAIXA INTENSIDADE EM MODELO EXPERIMENTAL DE ARTRITE
PALAVRAS-CHAVES: Lasers. Artrite. Inflamação.
PÁGINAS: 55
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Artrite reumatoide (AR) é uma doença inflamatória autoimune Artrite reumatoide (AR) é uma doença inflamatória autoimune caracterizada por degeneração crônica das articulações sinoviais, compreendendo um conjunto de processos inflamatórios simétricos que afetam essas articulações e estruturas periarticulares. A Terapia a Laser de Baixa Intensidade (LBI) é um procedimento terapêutico amplamente utilizado no meio clínico, tendo em vista seus efeitos biológicos no tecido de maneira não térmica e sendo uma opção terapêutica eficaz e com menos efeitos colaterais. Apesar dos efeitos clínicos já relatados em diversos estudos, seu mecanismo de ação e parâmetros dosimétricos não são totalmente compreendidos, havendo grande divergência sobre dose e efeito. Objetivos: Avaliar o efeito do laser terapêutico de baixa intensidade (904 nm) nas doses de 1J e 5J em modelo experimental de artrite. Metodologia: Os animais foram distribuídos em 5 grupos de 6 animais cada. No primeiro grupo (Salina) foi administrado apenas 0,9% de salina estéril. Grupo que recebeu agente flogístico (Zymosan); Grupo Laser 1(recebeu a injeção de agente flogístico e tratamento com Laser 1J/cm² (L1) e Grupo Laser 5 (L5-recebeu agente flogístico e tratamento com Laser 5J/cm²), grupo (Dexa) foi pré tratado meia hora antes com dexametasona induzida intraperitoneal 4mg/kg e posteriormente submetido a indução da artrite. Foram avaliados variação de volume de pata, avaliação miar de dor (nocicepção), avaliação da destruição articular (HE), espessurada cartilagem (Azul de Toluidina) e quantificação do colágeno total (picrossirius). Resultados: Obtivemos redução do edema e uma melhora estatística na redução da dor, sendo mais eficaz na dose de 1j/cm². Na análise morfológica, foi obtido uma redução na destruição articular, redução na espessura da cartilagem e um aumento na quantidade total de colágeno, sendo mais efetivo na dose de 5j/cm². Conclusão: A partir dos resultados expostos podemos sugerir que a terapia Laser de Baixa Intensidade na dose de 1J/cm² tem ação mais significativa na fase aguda da doença, no que se refere a sinais clássicos do processo inflamatório, edema e dor. Enquanto a dose de 5J/cm², apesar de ser eficaz na fase aguda é no estágio crônico da doença que está apresenta uma resposta significativa, quando avaliado sua ação na cartilagem articular e seus componentes.




MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 2475066 - FLAVIO FURTADO DE FARIAS
Presidente - 1439403 - GILBERTO SANTOS CERQUEIRA
Interno - 1680593 - JAND VENES ROLIM MEDEIROS
Externo ao Programa - 1637767 - MARCELO DE CARVALHO FILGUEIRAS
Notícia cadastrada em: 24/06/2019 15:41
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.instancia1 06/03/2021 02:15